Os papagaios e outras aves da mesma família (Psittacidae), como as araras e periquitos, são aves que costumam ser criadas de forma mais livre pelos seus donos, podendo circular pela casa. Mesmo assim, é preciso fornecer um espaço exclusivo para esses animais, como um viveiro para papagaio, por exemplo.

Isso porque a qualidade de vida do papagaio e o seu bem-estar vai estar associada com o seu espaço exclusivo para viver. Afinal, o viveiro para papagaio é o único local que vai fornecê-lo conforto e segurança adequados, com tudo o que ele precisa, como poleiro, água, comida, etc.

Como ele é uma ave de porte maior, ele deve ser grande, não sendo apropriado trancá-lo em uma simples gaiola. Por isso, o viveiro é ideal para essa espécie de ave, principalmente se ele for alto e largo o suficiente e acompanhar rodinhas, para facilitar o seu deslocamento pela casa.

Pensando em ter um papagaio em casa e ensiná-lo alguns truques? Selecionamos três modelos bem bacanas, de tamanhos e estilos diferentes, que vão lhe atender muito bem. Confira abaixo!

Viveiro para papagaio quadrado – Gigante

Esse é um modelo de viveiro para papagaio bem grande, que pode oferecer conforto e segurança para aves maiores. Ele tem 173 cm de altura, 79 de largura e 102 de comprimento, com uma distância entre as hastes da grade de 3 cm.

Além disso, ele ainda possui rodinhas para facilitar a locomoção, traz portas independentes para água e comida e fundo com uma chapa plana removível, para facilitar a retirada e limpeza.

O viveiro é feito de ferro fundido de alta resistência com pintura atóxica eletrostática antiferrugem na cor preta. Ele ainda acompanha dois poleiros e cinco potes de alumínio.

Viveiro para papagaio estilo Chalé – Médio

O segundo modelo é um viveiro no estilo chalé com 167 cm de altura, 80 de largura e 102 de comprimento, e hastes da grade com 2,5 cm de distância. Ele também possui portas para água e comida independentes para facilitar a troca.

O modelo também traz um fundo rígido e plano, fácil de limpar. Ele é todo confeccionado em ferro fundido e possui rodinhas para facilitar a movimentação, além de dois poleiros e quatro potes de alumínio.

Viveiro para papagaio pequeno – Chalesco

Já esse viveiro para papagaio é mais compacto, ideal para quem tem pouco espaço em casa. Mesmo assim, ele ainda pode oferecer o conforto e segurança que o seu papagaio precisa.

O viveiro mede 156 cm de altura, 67 cm de largura e 67 cm de comprimento, e vem com pintura especial na cor branca, rodinhas para facilitar o transporte e poleiros internos e externos, além de um bandeja removível no fundo que facilita a limpeza.

Diferença entre gaiola e viveiro

O viveiro para papagaio é muito melhor que gaioa em questão de espaço e conforto.

Em primeiro lugar, ao determinar o melhor local para o seu papagaio viver, é preciso que você entenda as diferenças entre um viveiro e uma gaiola. Eu sei que muita gente apenas providencia um poleiro, mas ter um local específico auxilia muito na limpeza e na organização,além de oferecer um local seguro e confortável ao animal.

Embora a gaiola e o viveiro possuam o mesmo objetivo de oferecer um local seguro para o pássaro, a gaiola é mais limitada na questão do espaço.

Normalmente, gaiolas são menores, mais apertadas e mais leves, sendo ideais para abrigar pássaros de pequeno porte. Geralmente, elas podem ser penduradas no teto ou na parede, ficando em locais mais altos.

Já o viveiro é maior e mais robusto, perfeito para abrigar aves de porte médio a grande ou muitos pássaros. Por ser maior, eles costumam ficar no chão e vir com rodinhas para facilitar a sua locomoção, seja para limpar ou colocar e tirar do sol.

Além disso, o viveiro costuma ser mais acessível, contar com mais portas de acesso, poleiros e até mesmo uma espécie de playground no topo. Assim, além de espaço mais confortável e segurança, ainda oferecem um certo entretenimento para a ave.

Na questão do material, tanto a gaiola quanto o viveiro podem ser de madeira ou metal, mas um viveiro para papagaio, deve ser sempre de metal, para que ele não destrua com o bico. Já os formatos são bem variados e podem seguir o estilo e gosto de sua preferência.

CaracterísticasGaiolaViveiro
TamanhoPequena ou médiaMédio a grande
IndicaçãoPequenos pássarosAves médias (papagaio, arara e calopsita)
Local de fixaçãoPendurado no teto ou paredeSobre o chão, com ou sem rodinhas
MaterialMadeira ou metalDe preferência metal, mas há de madeira

Por que investir em um viveiro para pagagaio?

Investir em um viveiro para papagaio é a melhor forma de garantir o bem estar do animal.

Sabia que solto na natureza a expectativa de vida de um papagaio pode ultrapassar os 60 anos? Porém, esses animais quando criados em cativeiro costumam viver apenas cerca de 20 anos.

Nesse sentido, o ideal é recriar o seu habitat natural no ambiente em que eles vivem da melhor forma possível, a fim de aumentar essa expectativa de vida e melhorar o seu bem-estar.

Por isso, embora ele possa passear circular pela casa com frequência, o viveiro garante a sua segurança, com local apropriado para ele ficar, comer, dormir e se exercitar, assim como se entreter. Afinal, alguns deles possuem excelentes poleiros, balanços, etc.

Para isso, o tamanho do local é super importante, para que ele tenha espaço para abrir as asas, pular do poleiro e se movimentar confortavelmente. Apesar de alguns papagaios possuírem as asas cortadas para não sair voando e poderem ficar soltos, andando pela casa ou pelo jardim, o viveiro os mantêm seguros quando você não estiver em casa.

Durante a noite também podem aparecer predadores, por isso é mais seguro prendê-los nesse espaço, com todo os recursos que ele precisa.

VantagensDesvantagens
Oferecem um ambiente seguro e confortávelLimitam o espaço do animal
Possuem espaço com todos os recursosNecessitam de espaço
Facilitam a limpeza focando em uma úncia áreaExigem limpeza frequente
Possuem poleiros e meios de entretenimentoCustam mais caro

Lembre-se, o papagaio é um animal que vive em bando na natureza. Por isso, ele gosta de estar sempre em companhia de outras aves ou de pessoas ao redor. Se deixados sozinhos por longos períodos, sem entretenimento, eles podem desenvolver depressão.

Como manter um viveiro para papagaio

É preciso manter o viveiro para papagaio sempre limpo.

Não adianta investir no viveiro para papagaio com o objetivo de fornecer mais conforto e segurança ao animal se você não souber como mantê-lo da forma correta para garantir o seu bem-estar.

Ou seja, isso só é possível mantendo a limpeza do ambiente de maneira adequada. Papagaios costuma fazer bastante sujeira, e o viveiro é a melhor forma de concentrar essa bagunça em um único local.

Mesmo assim, você terá que fazer a limpeza do viveiro com certa frequência. Por exemplo, a troca de papel do viveiro pode ser feita a cada dois dias, bastando remover a bandeja do fundo para removê-lo e trocá-lo.

Já uma limpeza mais completa pode ser efetuada a cada semana, retirando a bandeja e lavando com água e sabão neutro em água corrente. Além disso, a água deve ser trocada diariamente, assim como a comida, lavando os recipientes a cada troca.

O comedouro vai precisar ser higienizado com mais frequência se você oferecer frutas, além da ração seca. E não se esqueça dos poleiros, que também devem ser limpos pelo menos uma vez por semana.

A posse de papagaios é legalizada?

As aves precisam ter venda e proced6encia autorizada pelo Ibama.

Capturar qualquer ave na natureza e levá-la para a casa é ilegal, assim como criar uma ave silvestre sem autorização do Instituto Brasileiro do Meio Ambiente (Ibama) é considerado crime ambiental inafiançável. A prática pode resultar em seis meses a um ano de prisão e pagamento de multa.

Portanto, assim como a compra de filhotes de cachorro, as aves também devem ter certificado e devemos sempre checar a sua procedência. Isso porque para ter essa ave em casa, ela precisa estar legalizada, com a procedência de criadouros autorizados pelo Ibama e devida certificação.

Geralmente, aves legalizadas possuem um anel de identificação com um número gravado que também deve estar impresso na nota fiscal, assim como dados como sexo e data de nascimento.

NÃO aceite animais de procedência incerta, SEM certificação autorizada pelo Ibama, você estará contribuindo para o tráfico ilegal de animais, além de favorecer aos maus tratos e condições precárias dos mesmos.

Como escolher um viveiro para papagaio ideal

Para escolher o viveiro para papagaio ideal é preciso ficar atento a alguns detalhes.

O papagaio é um pássaro muito muito apreciado, não só pela beleza, mas pelas suas habilidades para reproduzir sons e algumas palavras. Eles são muito divertidos e animados, capazes de divertir e alegrar qualquer ambiente.

Geralmente, um papagaio tem tamanho médio, atingindo entre 30 e 40 cm, por isso precisam de espaço para o seu bem-estar. Em cativeiro, ele pode viver até 20 anos, mas sob as condições adequadas, essa expectativa pode aumentar bastante. Isso porque na natureza e em condições perfeitas do seu habitat natural, eles vivem até 60 anos.

Portanto, escolher o viveiro certo é fundamental para garantir uma vida saudável ao animal, por muitos anos ao seu lado. Para isso, fique de olho nos critérios abaixo para poder fazer a melhor escolha de viveiro para papagaio:

Tamanho

Embora a maioria dos viveiros para papagaio seja grande e robusta, eles são divididos em categorias: pequeno, médio, grande e gigante. O importante é sempre conferir a medida total, assim como o espaço interno, tanto para ver se você terá espaço suficiente em casa sem atrapalhar a circulação e o animal o espaço interno adequado para se locomover confortavelmente.

Quanto maior for o viveiro, melhor para o seu papagaio, principalmente se ele tiver a companhia de outra ave. Se você tem uma casa com jardim e ou apartamento com varanda, determine primeiro o espaço para saber qual o melhor tamanho. O ideal é que o espaço receba sol, mas também seja sombreado e longe de ventos fortes. Além disso, os viveiro deve ser coberto com capa durante a noite.

Aberturas

É preciso observar quantas portas e janelas o viveiro possui para facilitar o facilitar o manuseio do viveiro, especialmente para fazer a troca da água e alimentos, assim como limpar os demais compartimentos, como poleiro, balanços, etc.

A bandeja do fundo também deve ser removível e fácil de acessar para facilitar a sua limpeza. Além disso, confira também a segurança dessas aberturas e a distância entre as hastes das grades, para que ele não escape, consiga abrir ou fique preso. O papagaio é super inteligente!

Acessórios

É comum o viveiro para papagaio oferecer alguns acessórios, além do comedouro, bebedouro e poleiro. Mas estes três são essenciais e devem ser, preferencialmente, de metal, por ser atóxico e mais fácil de limpar.

Já os modelos de viveiros maiores contam com mais comedouros e bebedouros espalhados pelo local, assim como poleiros em diferentes níveis de altura e tamanhos, para a melhor movimentação do pássaro.

Se o seu papagaio estiver acostumado a ficar fora do viveiro, opte por modelos com poleiros externos, fixos ou balanços, assim como diferentes brinquedos. Eles adoram!

Material e formato

Viveiros para papagaio podem ser feitos de madeira ou metal, mas as melhores opções são as de metal. Isso porque essas são aves bicam bastante e podem destruir as grades ou acabar se machucando nas lascas de madeira.

Além disso, o metal é mais durável, pois conta com pintura especial impermeável e anti ferrugem, podendo ser colocados na área externa. Com relação ao formato, eles podem ser redondos, retangulares ou até de canto. Os designs podem ser bastante diferenciados, sendo um quesito que varia de acordo com a sua preferência e estilo.

Geralmente, viveiros retangulares encaixam melhor nos cantos e ocupam menos espaço, mas os redondos possuem uma apelo maior. Há também estilos vintage, chalé, com designs diferenciados no topo, etc.

Transporte

Como os viveiros são bem robustos é essencial que eles tenham rodinhas e sejam fáceis de movimentar. Isso porque talvez você tenha que transportável para outro local para limpar ou para levá-lo para tomar sol, abrigá-lo na sombra ou da chuva.

Facilidade de limpeza

Já que manter o local limpo é essencial para o bem-estar do animal, o viveiro deve ser fácil de limpar. Para isso, opte por modelos com bandeja de metal no fundo removível e fácil de ser retirada.

Alguns modelos também contam com uma barra lateral que evita que a sujeira do animal se espalhe pelo chão, ao redor do viveiro.

Aviso Importante:
Nossos redatores não possuem qualquer ligação com os fabricantes dos produtos aqui analisados. No entanto, todos os produtos possuem links direcionados à lojas online que fornecem programas de afiliados. Ao clicarem no link do produto e, posteriormente fechando a compra, vocês estarão automaticamente contribuindo para que o Vidanimal receba uma pequena porcentagem de comissão pela venda do produto. Isso nos ajuda a manter nosso trabalho e várias outras pessoas a encontrar o que procuram!

Por Equipe Editorial

O Vidanimal.com.br acredita que compartilhar um bom conteúdo é a melhor maneira de fazer com que a informação chegue ao seu destino ou público alvo. Educar e conscientizar as pessoas é a nossa missão. Procuramos criar parcerias com profissionais empenhados em fazer parte dessa missão. Contamos com uma equipe de colaboradores que amam aquilo que fazem e se dedicam todos os dias para levar até você um conteúdo informativo de qualidade.

Deixe uma resposta