Ao planejar viajar com gato, não esquecer dos objetos que lhe remetem conforto não é nenhum luxo ou frescura; mas uma necessidade. Aproveitando a proximidade das férias de verão e a facilidade em viajar de carro com animais, ao invés de avião, um bom planejamento se faz necessário, para evitar possíveis contratempos.

Isso porque há muito o que considerar antes de pegar a estrada com o seu animal, especialmente se ele for um filhote de gato. Enquanto viajar com cachorro pode ser bastante intuitivo, muitos tutores de gatos costumam negligenciar o seu conforto.

Em se tratando de felinos, isso significa familiaridade, uma das principais preocupações relacionadas à saúde e segurança ao tirar o seu gatinho de seu habitat familiar.

Embora os cachorros também tenham suas necessidades, em termos de objetos pessoais e cuidados, eles são mais adaptáveis e suscetíveis a aventuras e novos destinos na companhia de seus donos.

Por outro lado, os gatos não são. Especialistas recomendam que qualquer pessoa pensando em viajar com gato não se esqueça que esta pode não ser as melhores das experiências para eles. Portanto, providenciar-lhes o conforto necessário é fundamental, não só para o bem estar deles, mas de todos os envolvidos.

Veja abaixo o que não pode faltar no seu planejamento ao viajar com gatos!

Viajar com gato requer planejamento antecipado

Na hora de viajar com gato, planeje com cuidado os itens que vai levar na viagem.

Algumas restrições durante a viagem podem afetar a relação entre vocês a longo prazo. Isso porque os gatos são criaturas bastante territoriais e gastam muito tempo organizando seus territórios e ambientes onde convivem.

Eles fazem isso através de comportamentos variados de marcação de território, como arranhar ou deixar marcas na sua mobília. E em se tratando de outros rituais comportamentais, alguns estudos comprovam que os gatos possuem locais onde facilmente costumam ser encontrados em específicas horas do dia, como um itinerário próprio.

Por isso, tirá-los dessa rotina ou mudar o território pode ser bastante estressante para eles. E não é apenas o humor que irão sofrer com a perda desse sentimento de segurança. Um gato estressado ficará mais suscetível a problemas de saúde durante a viagem e até mesmo quando estiver de volta em casa.

Mas então o que fazer se a viagem for necessária?

Não se esqueça de levar seus itens preferidos na viagem.

Embora haja esse risco, há situações em que você não vai poder evitar e ter mesmo que viajar com gato. Embora esteja claro que ele precisará de alguns itens durante a viagem, como uma caixa de transporte, caixa de areia portátil e alimento, você não poderá esquecer NUNCA de que: Não importa qual seja o item que mais lhe traga conforto, você terá que trazê-lo na viagem.

Então, quantos itens de “segurança” você deverá identificar e trazer com vocês ao viajar com gato?

Muitos simples. Basta levar alguns itens que você já observou que ele costuma passar mais tempo ou carregar pela casa.

Isso porque os gatos costumam expelir feromônios, substâncias químicas que podem alterar o comportamento deles e estado emocional, quando esfregam suas faces sobre certos objetos.

Para se ter uma ideia, cinco feromônios faciais diferentes que diminuem o estresse e ajudam a criar uma certa familiaridade (que podem ajudar a acalmar o gato durante a viagem) já foram identificados.

Portanto, as escolhas mais eficazes em termos de fornecer conforto ao seu gato serão os itens que ele mais usa em casa. Felizmente, esses itens costuma ser bem fáceis de transportar.

Por exemplo, a caminha, um cobertor e brinquedos de sua preferência, desde que eles sejam de uso regular.

Por isso, não invente de sair para comprar objetos para a sua viagem na última hora. Ao invés, tente planejar com antecedência opte por comprar versões parecidas ou iguais algumas semanas antes, para que ele tenha tempo de se acostumar e criar a tal “familiaridade” necessária com o novo objeto.

Dessa forma, ele não vai sentir que a sua vida foi invadida na hora de viajar, tornando a experiência agradável e menos traumática para todos.

Itens que não podem faltar ao viajar com gatos

Então, agora que você já entendeu que trazer alguns itens com você ao viajar com gato é essencial, selecionamos alguns exemplos que podem ajudar bastante a você se planejar com antecedência.

Caso tenha que comprar um ou mais objetos, lembre-se de adquiri-los bem antes da data marcada da viagem para que você possa testar em casa se ele vai gostar e ser capaz de criar um laço afetivo a tempo com o novo objeto.

Cama para gato

O local onde o seu gato dorme, provavelmente, é onde ele passa a maior parte do tempo, especialmente se for um local específico, como uma cama ou almofada. A sua “caminha”, portanto, é um objeto muito importante para ele e de grande familiaridade.

Se for muito trabalhoso levar a cama atual dele ou ele for do tipo que escolhe diferentes locais para dormir, você pode aproveitar para escolher uma nova, desde que tenha tempo para acostumá-lo com ela.

Nem precisa dizer que ele prefere algo quentinho, confortável e macio. No entanto, gatos são tão temperamentais que podem mudar suas preferências sem aviso prévio. Então, como equilibrar isso com a necessidade deles de estabilidade e consistência no cheiro?

A cama para gatos Vevo Double da Mau, aparentemente é um simples cesto duplo de tricô, mas os seus lados podem ser enrolados, esticados e moldados de diferentes formas, ficando mais alto ou mais baixo ou até em formatos diferentes, só para o seu gato suprir a necessidade de mudança e variedade.

Ela é especialmente ideal para viagens, por conta dessa flexibilidade e por caber em qualquer lugar, inclusive fácil de transportar, seja no banco do carro ou dentro de uma mala.

Caixa transportadora ou Caverna

Para viajar com gato de carro ou de avião, será necessário uma opção de caixa transportadora mais leve e compacta, para ocupar menos espaço possível e não exceder o limite de peso, no caso do avião.

Gatos costumam de sentir sufocados em caixas fechadas de tecido, temendo ser esmagados por elas. Por outro lado, as caixas rígidas são feias, frias e impessoais, longe de ser as suas favoritas.

Com esse outro produto maravilhoso da Mau, você não vai precisar se preocupar com isso. Essa cama do tipo caverna, a Horizon Cat Cave, ela serve também de caixa transportadora por conta do seu design, ce ainda fornece toda a segurança e privacidade que os gatos adoram.

Ela é feita de feltro de lã, por isso pode ser colocada dentro de uma mala e depois volta ao normal sem perder a sua forma original de caverna. Para estar preparado para viajar com gato, opte por uma cama de gato tradicional ou uma leve caverna em casa.

Cobertor

Você já deve ter notado que os gatos adoram se empoleirar em cobertores e mantas pela casa. Na verdade, ninguém entende porque eles preferem um pequeno cantinho na ponta do cobertor, quando se tem a cama inteira disponível.

Mas muito provavelmente é por causa da sua natureza territorialista e a necessidade de definir um espaço por conta própria. Seja qual for a razão, essas mantas e cobertores se tornam, literalmente, um objeto de segurança uma vez que os feromônios do animal deixaram sua marca e podem ser excelentes calmantes durante a viagem.

Portanto, seria uma boa ideia ter um cobertor em casa que pudesse também servir para viajar. O cobertor anti-arranhões CatNap da Paw.com é uma opção maravilhosa, já que vem com um acabamento em pele falsa, que os gatos adoram.

Além disso, essa manta tem um lado em microsuede para proteger o mobília dos arranhões e um tecido interno à prova d’água, além de poder ir na máquina de lavar. Se os seus planos incluem hospedagem em hotel ou na casa de alguém, o seu gato ficará feliz em ter o cheiro de casa com ele, e você satisfeita pela proteção extra.

Brinquedos de gato

Este parece ser um dos itens mais fáceis de encaixar dentro das malas ao pensar em viajar com gato, mas há tantos brinquedos de gatos no mercado (e tantos outros na sua casa, aposto!), que fica difícil decidir qual deles levar.

Como as camas e cobertores mencionados acima, você precisa optar por algo macio e flexível para que o transporte seja fácil e a viagem tranquila até o seu destino. Portanto, evite as bolas, sinos e baterias.

Ao invés disso, que tal investir em um brinquedo dinâmico, porém simples como o The Royal Grocery’s Fish Bone da Tuft + Paw. Ele é um brinquedo de pelúcia em algodão, super divertido em formato de espinha peixe.

Mas o diferencial é vir com um sachê de catnip para ser armazenado dentro dele, para que o aroma permaneça no brinquedo sempre que usado. Por ser desenvolvido para manter o cheiro, é perfeito para levar em viagens.

Por Equipe Editorial

O Vidanimal.com.br acredita que compartilhar um bom conteúdo é a melhor maneira de fazer com que a informação chegue ao seu destino ou público alvo. Educar e conscientizar as pessoas é a nossa missão. Procuramos criar parcerias com profissionais empenhados em fazer parte dessa missão. Contamos com uma equipe de colaboradores que amam aquilo que fazem e se dedicam todos os dias para levar até você um conteúdo informativo de qualidade.

Deixe uma resposta