Menu fechado

Plano de saúde para cachorro: prevenção ainda é o melhor remédio

Plano de saúde para cachorro: Maltê no colo do seu veterinário em sua consulta veterinária.

Ninguém gosta de ser pego de surpresa, ainda por cima em caso de doenças ou acidentes. Dessa forma, a prevenção ainda é o melhor remédio. O plano de saúde para cachorro tem salvado muitas vidas na hora do aperto. Por isso, prevenir e estar prevenido é a melhor solução!

Como os seres humanos, os cachorros também adoecem. Principalmente, à medida que a idade avança, maiores complicações podem aparecer. Mas não é só na fase adulta que os problemas ocorrem. Afinal, os filhotes também precisam de muitos cuidados nos primeiros anos de vida, e com isso são muitas as consultas veterinárias para monitorar a saúde deles.

Quem tem cachorro é capaz de amá-lo como se fosse alguém da família, por isso vai sempre querer o melhor para ele, especialmente no que diz respeito à sua saúde. Monitorar a saúde do seu cachorro não é tarefa difícil, mas necessária se quiser que ele viva por mais tempo. E para assegurar a sua saúde, nem sempre é possível arcar com todos os custos que englobam mantê-lo saudável. Portanto, é nessa hora que o plano de saúde para cachorro entra para nos salvar!

Plano de saúde para cachorro: Prevenção como remédio

Plano de saúde para cachorro: cachorrinha no colo de sua dona durante consulta veterinária.
Plano de saúde para cachorro: cachorrinha no colo de sua dona durante consulta veterinária.

Segundo pesquisas, a expectativa de vida média de um cachorro no Brasil é de apenas 36 meses, ou seja três anos. Apesar disso, a maioria dos cachorros podem passar dos 10 anos facilmente. Neste caso, os cuidados com a sua saúde serão os principais colaboradores para o aumento da sua longevidade.

De acordo com essas pesquisas, para cada cachorro que consegue chegar aos dez anos de idade, outros dez acabam morrendo com menos de dois anos por causas frequentes. Bem como, doenças hereditárias típicas de sua espécie, doenças infectocontagiosas fatais e traumatismos causados por acidentes, a maior causa de morte entre os cães.

Plano de saúde para cachorro: Medicina preventiva

A verdade é que mesmo que o cachorro seja saudável, vacinado e livre de maiores problemas na sua constituição genética, nem sempre é possível livrá-lo dos percalços da vida. De modo que, todo cachorro pode contrair alguma doença ou se envolver em acidentes em algum momento na sua vida.

Portanto, embora alguns casos de doenças sejam fatais e outros nem tão fáceis de detectar, a prevenção é o melhor remédio, mesmo tendo plano de saúde. Não raro, prevenir para evitar doenças e manter o cachorro saudável se torna simples se os seguintes passos forem seguidos:

  • Obtenha o máximo de informação médica sobre ele (exames, vacinas, problemas genéticos, propensão à doenças, etc);
  • Saiba quais são suas necessidade, cuidados que precisa para se manter saudável e como tratá-lo ao longo da sua vida;
  • Forneça sempre uma alimentação saudável e equilibrada. Preze pela qualidade do alimento e quantidade de nutrientes fornecidas, e que seja adequada ao seu porte e idade;
  • Ofereça sempre água fresca e filtrada em abundância e ao alcance;
  • Controle o seu peso e tome cuidado com a obesidade;
  • Mantenha uma boa higiene oral;
  • Esteja sempre com a carteira de vacinas em dia;
  • Não abuse de vermífugos e anti-pulgas;
  • Exercite-o e o mantenha estimulado diariamente;
  • Considere a castração;
  • Faça exames periódicos, tanto em casa como em consultas veterinárias.

Em suma, medicina preventiva é muito eficaz quando o cachorro é saudável e recebe todos os cuidados necessários. Para ler mais sobre isso acesse: “18 dicas para estender a vida dos cachorros”.

Plano de saúde para cachorro: Quando não se pode evitar o problema

Plano de saúde para cachorro: Golden retriever na mesa de cirurgia no veterinário recebendo sedação.
Plano de saúde para cachorro: Golden retriever na mesa de cirurgia no veterinário recebendo sedação.

Às vezes, nem sempre a medicina preventiva é eficaz no combate à doenças. Existem casos em que as medidas de prevenção não são capazes de evitar algumas doenças ou acidentes. Nestes casos, a saúde do cachorro fica vulnerável e foge do nosso controle. Por mais que nos esforçamos em cuidar bem deles, nem sempre conseguimos mantê-los livres de certas situações. Em ocasiões como estas abaixo, tenho certeza que um bom plano de saúde para cachorro cairia bem.

Plano de saúde para cachorro: Casos de doenças genéticas

Algumas raças possuem certas doenças de herança genética. Por exemplo, um problema ósseo de ordem genética requer cirurgia imediata e custa caro. Por outro lado, deixar de fazer a cirurgia pode ocasionar na amputação do membro. Enfim, em caso de cirurgia, o procedimento irá gerar gastos com internação, sedação, medicamentos, etc. Além disso, cuidados pós-cirúrgicos também custam caro, e dependendo da gravidade, ainda mais caro se o cachorro não tiver plano de saúde para cachorro.

Plano de saúde para cachorro: Casos de acidentes

Os acidentes, como fraturas e rompimento de ligamentos, assim como ingestão de alimentos tóxicos também costumam acontecer com frequência e geram custos inesperados. Normalmente, casos como esses pedem raio-X, exames de fezes, endoscopias e até cirurgias. Além disso, se a emergência ocorrer durante a madrugada ou em um final de semana, isso pode resultar em custos maiores ainda. Dependendo do caso e da disponibilidade das clínicas veterinárias e profissionais de plantão, um plano de saúde para cachorro poderia ajudar muito.

Plano de saúde para cachorro: Casos de envelhecimento natural

Com o envelhecimento, doenças típicas de cães idosos se tornam mais frequentes também, como por exemplo o câncer que é a causa de morte mais comum entre eles. Além disso, alergias, problemas de visão (cataratas) e nas juntas (artrite) acabam sempre aparecendo à medida que eles vão envelhecendo. Isto é, quando os cachorros atingem certa idade as visitas ao veterinário, os tratamentos e os medicamentos se tornam mais frequentes. Por isso, um plano de saúde para cachorro costuma ajudar a reduzir os custos.

Plano de saúde para cachorro: Casos de doenças comuns

Outras doenças comuns também podem ocorrer. Por exemplo, diabetes, problemas cardíacos e renais, otites, artrites, artroses, tártaro, catarata, surdez e demência senil associada à redução da massa encefálica dos cães estão entre elas. Assim, todas elas demandam tratamentos, remédios e até cirurgias, portanto custos inesperados. Um plano de saúde para cachorro em qualquer um desses casos aliviaria os custos.

Só para concluir, já deu pra notar que mesmo tendo um cachorro saudável, sem maiores problemas genéticos, mesmo assim, somam-se aos custos, as vacinas (nem todas são gratuitas), remédios de pulgas/carrapatos, vermífugos e microchips. Não raro, ainda podem existir inseminações e partos cesarianos em casos de algumas raças, e até cirurgia de castração se o seu criador não providenciar.

Aliás, a castração é altamente recomendada para cães em todas as idades, principalmente no que se refere a prevenção de doenças. Para tanto, há várias clínicas veterinárias especializadas que realizam a castração de cachorros em todos os Estados.

Plano de saúde para cachorro: Solução de custo benefício

Plano de saúde para cachorro: Maltês sendo examinado pleo seu veterinário na clínica.
Plano de saúde para cachorro: Maltês sendo examinado pleo seu veterinário na clínica.

Como você pode perceber, todos esses procedimentos veterinários, problemas de saúde e doenças, além de influenciarem diretamente na longevidade do cão, ainda acabam gerando vários custos durante a vida dele, desde o seu nascimento até o falecimento. Para completar, acidentes também podem ocorrer ao longo do caminho.

Em todos os casos, os gastos com consultas veterinárias, remédios e tratamentos podem chegar às alturas. Já imaginou o custo de tudo isso no seu orçamento? Dessa forma, se o orçamento familiar já anda apertado, essas surpresas abalam qualquer família.

Segundo veterinários, a maioria das pessoas quando compra um cachorro subestima os custos reais que elas podem vir à ter com eles e assim, nunca pensam nos gastos que terão caso este cachorro venha a apresentar algum destes quadros. Por isso, a oferta do plano de saúde para cachorro chega em boa hora.

É na hora do aperto que entra a necessidade de um plano de saúde para cachorro. No entanto, não é só para casos emergenciais. O plano de saúde para cachorro pode auxiliar na redução de todos esses custos. E mais, o plano de saúde para cachorro vai poder ajudar também no monitoramento das doenças e atuar mais ativamente na prevenção de todas elas.

Isso porque com o plano de saúde para cachorro adequado você terá mais condições de acompanhar a saúde do seu cachorro mais de perto, com visitas mais frequentes ao seu veterinário sem se preocupar com quanto irão custar.

Plano de saúde para cachorro: Custos quando filhote

O primeiro ano de vida do filhote é marcada por fases delicadas. Ou seja, é quando o filhote está construindo a sua imunidade e se adaptando à uma nova alimentação. Com isso, ele fica mais predisposto à problemas gastrointestinais e alergias, tendo que fazer várias visitas ao veterinário. Bem como as primeiras vacinas, desvermifugação, entre outras coisas. Da mesma forma, a descoberta de um novo mundo também o expõe a novos riscos, como ingerir o que não deve, fraturas e atropelamentos. Ocasionalmente, esses acidentes costumam ocorrer com 1 cachorro a cada 3 cachorros por ano, pelo menos. Com isso, a média de gastos comuns na fase filhote ficam em cerca de:

  • Giardíase (R$ 800,00)
  • Atropelamento (R$ 2.400,00)
  • Ingestão de Corpo Estranho (R$ 2.500,00)
  • Fratura por Queda (R$ 2.600,00)

Plano de saúde para cachorro: Custos quando adulto

Se o cachorro for saudável, naturalmente na fase adulta ele estará pronto para encarar todas as aventuras e te acompanhar onde quer que você vá. No entanto, as ocorrências médicas podem acontecer a qualquer hora do dia. Além disso, as primeiras doenças também podem aparecer, e de acidentes ninguém está totalmente livre. Portanto, a média de gastos comuns na fase adulta fica em torno de:

  • Pancreatite – R$ 1.200,00
  • Gastroenterites – R$ 1.500,00
  • Intoxicação Alimentar – R$ 1.500,00
  • Atropelamento – R$ 2.500,00

Plano de saúde para cachorro: Custos quando idoso

A partir dos 6 anos, cerca de 60% dos cachorro costumam apresentar sinais de velhice e desenvolver doenças crônicas como artrose, problemas de coluna ou problemas respiratórios. Por isso, a média de gastos comuns na fase sênior pode chegar a:

  • Insufiência Renal – R$ 3.500,00
  • Displasia – R$ 2.500,00
  • Câncer – R$ 4.000,00

Como escolher o melhor plano de saúde para cachorro

Plano de saúde para cachorro: Labrador deitado no chão com rostinho triste de doente.
Plano de saúde para cachorro: Labrador deitado no chão com rostinho triste de doente.

Apesar do mercado de convênio animal ser ainda recente, já pode-se notar um crescimento constante e promissor. Por esta razão, hoje podemos ter acesso a diferentes propostas de planos de saúde para cachorro. Por outro lado, existem muitos fatores que dificultam essa decisão na hora de escolher o melhor. Seguem abaixo, algumas orientações que você deve considerar antes de escolher o melhor plano de saúde para cachorro:

Plano de saúde para cachorro: Operadora

O mercado pet está vivendo uma inflação de operadoras. Com isso, na perspectiva de aumentar a carteira de clientes, investidores estão apostando alto nesse mercado promissor. Portanto, procure empresas sólidas e reconhecidas. Isto é, escolha um especialista em planos de saúde animal, capaz de identificar as melhores opções para o seu cachorro. Além disso, fique atento às empresas que tenham um atendimento ágil e uma operação sólida.

Plano de saúde para cachorro: Rede de credenciados

Verifique se a operadora oferece uma rede com uma quantidade de profissionais e estabelecimentos suficientes para cuidar do seu animal. Principalmente se você tiver dificuldade de mobilidade ou vários animais, o que dificulta a locomoção. Atualmente, existem operadoras que oferecem serviço domiciliar.

Plano de saúde para cachorro: Microchipagem

A maioria das operadoras exige que o cachorro seja microchipado. Para quem não sabe, o microchip é um pequeno dispositivo implantado na gordura da nuca. Pesquisas já provaram que o procedimento é seguro e o risco de sequelas é mínimo. O seu uso é mais comum nos EUA e Europa, mas já está sendo usado por aqui.

O dispositivo mantém os dados do tutor e do cachorro relacionados a procedimentos feitos, como vacinas e consultas. Em caso de fuga, o cachorro pode ser localizado e identificado sem precisar da placa de identificação.

Antes de colocar um chip, é necessário saber que tipo de material está sendo colocado, se o animal tem ou não capacidade de recebê-lo. E se haver risco de infecção ou rejeição, é necessária a remoção cirúrgica. Esses tipos de implantes devem ser aprovados pelos órgãos regulatórios, senão correm o risco de vazar, de deteriorar, ou de dar algum problema dentro do organismo, levando a morte do animal. Por esta razão, verifique antes quais operadoras exigem ou não o microchip, caso você tenha receios de usar o dispositivo.

Plano de saúde para cachorro: Coberturas

As operadoras oferecem em média 3 a 4 tipos de coberturas. Normalmente, começam com um plano de saúde para cachorro básico, depois ambulatorial e o plano Premium, fechando com um sênior. Entre outros benefícios, algumas operadoras ainda podem oferecer em seus planos reembolso ao escolher uma clínica de preferência que não esteja credenciada, limpeza de tártaro, parto, etc. Além disso, a escala de preço pode variar bastante entre as diferentes operadoras e planos. Por isso, tente escolher, no mínimo, um plano que tenha coberturas para cirurgias e internações (procedimentos mais caros), caso o cachorro precise de intervenção veterinária.

Plano de saúde para cachorro: Restrição de idade

O cachorro começa a mostrar sinais de envelhecimento a partir de 6 anos, com isso resultando em mais problemas de saúde. Por isso, fique atento aos planos de saúde para cachorro oferecidos pelas operadoras, pois existem restrições bem diferentes entre elas. Normalmente, enquanto uma operadora aceita a entrada até 9 anos, outra pode não ter restrição quanto à idade e oferecer coberturas amplas. Isso pode fazer enorme diferença no futuro.

Plano de saúde para cachorro: Formas de pagamento

Muitas operadoras preferem que o pagamento seja feito através do cartão de crédito, assim garantem menores preços e menor taxa de inadimplência. A segunda opção é o débito em conta corrente, que uma vez liberado, oferece também facilidades. O menos recomendado é o boleto, que uma vez esquecido os tratamentos podem ser recusados. Outras operadoras oferecem diferenças de preços conforme a forma de pagamento.

Plano de saúde para cachorro: Cancelamento

Em caso de falecimento, o plano de saúde para cachorro contratado deve ser encerrado através de um comunicado à operadora. Portanto, não esqueça de informar o fato para evitar cobranças contínuas. Caso haja outros motivos que te levem a descontinuar o seu plano, você deve ter o direito de cancelá-lo a qualquer momento. Na maioria das vezes, as operadoras não cobram multas, mas podem exigir um prazo mínimo (por exemplo 60 dias) de carência para cancelamento, exceto em caso de falecimento do animal. Ao invés de cancelar, informe-se primeiro se pode mudar para um plano de saúde para cachorro mais básico.

Plano de saúde para cachorro: Plano de Saúde ou Assistência?

Plano de saúde para cachorro: Golden retriever deitado na cama cirurgica do veterinário recebendo um carinho dele.
Plano de saúde para cachorro: Golden retriever deitado na cama cirurgica do veterinário recebendo um carinho dele.

Provavelmente você já deve ter notado que existem Planos de saúde e Assistências para o cachorro. O conceito entre as duas modalidades é um pouco diferente. O plano de saúde para cachorro oferece coberturas para a prevenção. Em outras palavras, manutenção da saúde, similar aos planos para seres humanos. Dependendo do plano contratado, ele cobrirá também procedimentos em clínicas e hospitais veterinários.

Por outro lado, o plano de assistência tem por propósito, cobrir apenas emergências e urgências. Ou seja, necessidades de intervenção por acidente ou doença, uma espécie de ambulatório ou enfermagem em comparação com os planos de seres humanos. Além disso, também tem capital limitado para as coberturas. No entanto, o plano de assistência tem um custo mais acessível.

Independente do tipo de cobertura, a proteção do animal deve vir em primeiro lugar. Assim, você evita gastos inesperados e elevados por um valor mensal bem mais baixo. No final, você sairá ganhando em custo benefício e ainda vai se sentir bem mais tranquilo sabendo que seu cachorro estará protegido em qualquer situação.

Plano de saúde para cachorro: fazer ou não fazer

Plano de saúde para cachorro: Yorkshire tomando vacina no veterinário.
Plano de saúde para cachorro: Yorkshire tomando vacina no veterinário.

O cuidado preventivo do seu animal de estimação é a melhor forma de evitar transtornos. Portanto, se você manter as vacinas em dia, a sua higiene diária e estar sempre atento ao seu comportamento, você vai garantir a vida do seu cachorro por muito mais tempo. Enquanto isso, não se esqueça de manter uma boa alimentação e fazer consultas/exames regulares. Mesmo assim, isso não garante que ele não venha ter problemas de saúde, que ocorram acidentes ou que uma emergência não aconteça.

O convênio animal ajuda a controlar os gastos e manter uma disciplina em relação aos cuidados necessários para se manter saudável. Por isso, não espere até que algo de ruim aconteça com ele. Ou, pode ser tarde demais. Assim, o plano de saúde animal é garantia de proteção, sem surpresas.

Plano de saúde para cachorro disponíveis no mercado

Plano de saúde para cachorro: Poodle caramelo tomando vacina no veterinário.
Plano de saúde para cachorro: Poodle caramelo tomando vacina no veterinário.

Cada vez mais clínicas veterinárias e profissionais autônomos estão aderindo ao plano de saúde para cachorro. Muitos deles já são aceitos pela maioria, possuem coberturas nacionais, e diversos modelos de planos diferentes. Além disso, muitas vantagens e benefícios, que podem se acomodar perfeitamente no seu orçamento.

Não vai ser difícil encontrar um plano de saúde para cachorro adequado ao seu melhor amigo. Para facilitar o trabalho de pesquisa para você e matar a sua curiosidade, montamos uma lista com os principais planos de saúde para cachorros disponíveis hoje. Confira abaixo!

1. Plano de saúde para cachorro: VetPlan

A VetPlan é uma empresa pioneira em plano de saúde para animais com mais de 20 anos de mercado. Ela garante tranquilidade financeira e a manutenção preventiva e curativa da saúde do seu cachorro. Ou seja, oferece melhor qualidade de vida para seu melhor amigo.

A empresa oferece ampla rede credenciada de estabelecimentos especializados e profissionais qualificados. São clínicas, laboratórios e hospitais veterinários com atendimento 24 horas, além de especialistas na cidade de Ribeirão Preto e região.

Possui três tipos de planos, Essencial (proteção na medida por preço razoável), Premium (proteção com limites e carências moderadas) e Super Premium (ampla proteção, baixas carências e maior limite de procedimentos).

2. Plano de saúde para cachorro: Health For Pet

A Health For Pet se compromete em proporcionar aos animais de estimação uma vida mais saudável e feliz. Para tanto, alia tecnologia e comprometimento viabilizando acesso ao que existe de melhor na medicina veterinária. A Health For Pet oferece 6 planos de saúde para cachorro diferentes. Além disso, vários outros serviços e benefícios.

  • PET BASIC AMBULATORIAL – consultas clínicas, exames laboratoriais (exceto hormonais), vacinas, procedimentos ambulatoriais, incluindo urgências e emergências.
  • PET LIGTH AMBULATORIAL – consultas, exames laboratoriais, vacinas, procedimentos ambulatoriais, incluindo urgências e emergências.
  • PET PLUS AMBULATORIAL E HOSPITALAR – consultas em clínico geral eletivas, urgência, emergência, exames laboratoriais e internação. Pareceres e consultas de especialistas, exames de imagem e cirurgias somente cobertos somente em caso de internação.
  • PET TOTAL COMPLETO – cobertura completa (ambulatorial e hospitalar), acesso a todos os serviços e procedimentos disponíveis nos planos PET LIGHT e PET PLUS, além de exames por imagem.
  • PET PREMIUM COMPLETO E REEMBOLSO – prevê todas as coberturas do PET TOTAL e reembolso para serviços realizados fora de nossa rede credenciada.
  • PET SÊNIOR ASSISTENCIAL – serviços e benefícios como PetPhone, DigiPet, PetClub, vacinas anuais e a primeira visita PetHome para implantação do microchip.

Serviços e Benefícios:

  • PetHome – Atendimento veterinário na residência;
  • DigiPet – Prontuário digital com acesso ao histórico de vacinas, procedimentos e exames;
  • PetPhone – Veterinários 24h em Plantão Telefônico;
  • NutriPet – Veterinários especializados em nutrição para orientação sobre a alimentação;
  • PharmaPet – Parceiros com descontos em ração, remédios, produtos pet e serviços veterinários;
  • PetClub – Parceiros com descontos em ração, remédios, produtos pet e serviços veterinários.

3. Plano de saúde para cachorro: Petplan

A Petplan está no mercado há 39 anos e é líder mundial em seguros para animais de estimação. Possui mais de 1 milhão de animais segurados e presença global. Trabalha em colaboração com veterinários e ONG’s de proteção animal.

A Petplan garante a saúde de seu pet a partir das 6 semanas de idade para o resto da vida. Além disso, sem aumento de preço por faixa etária do animal e com um custo que caiba no orçamento. No mais, está disponível 24H, conta com mais de 400 profissionais e possui cobertura nacional por reembolso. Na Rede Petplan os procedimentos estão cobertos pelo plano contratado. No Atendimento, qualquer solicitação de autorização será feita por seu veterinário, online, rápido e sem burocracia.

O cachorro é atendido através da leitura do microchip e/ou carteirinha, e apresentação do CPF do segurado titular. Mesmo fora da Rede Petplan você está livre para escolher os veterinários, hospitais e laboratórios. Depois, você recebe o reembolso em território Nacional em até 20 dias úteis.

  • O plano Ambulatorial cobre consultas, exames e pequenos procedimentos, feitos exclusivamente em consultório, incluindo urgências e emergências, com baixo custo mensal.
  • O plano Completo oferece cobertura para procedimentos ambulatoriais, hospitalares, exames laboratoriais e de imagem. Também cobre vacinas, consulta com especialistas e odontologia emergencial.
  • O plano Top, além da cobertura ambulatorial, hospitalar, exames laboratoriais e de imagem, ainda oferece check-ups, vacinas, consultas com especialistas, consultas domiciliares, parto, castração. Além disso, oferece também tratamentos complementares como acupuntura e fisioterapia.

4. Plano de saúde para cachorro: Amigoo!

A Amigoo! presta serviços de assistência para animais domésticos em todo território nacional. Para tanto, conta a ajuda de profissionais comprometidos, tecnologia de ponta e processos eficientes. Possui preços acessíveis sem distinção, atendimento em todo o Brasil por 24 horas. Além disso, você ainda pode indicar o seu veterinário favorito.

5. Plano de saúde para cachorro: Doutor Pet

A Dr Pet Planos de Saúde para Animais é uma empresa dedicada a proporcionar serviços de saúde para animais de estimação. Seus planos oferecem opções para cães e gatos, com coberturas que vão desde consultas de rotina, vacinação e castração, até procedimentos mais complexos. Todos atendidos por especialistas de sua rede de clínicas e médicos veterinários credenciados.

A Dr Pet oferece e incentiva o acesso à prestação de serviços preventivos e assistenciais, inclusive em emergências. Desse modo, facilitando o acesso aos profissionais através de ampla rede credenciada, priorizando estruturas especializadas e aptas a realizar procedimentos com alto padrão de qualidade.

5. Plano de saúde para cachorro: Animed Plano de Saúde Animal

A Animed Plano de Saúde Animal oferece planos totalmente voltados ao bem-estar do seu animal de animação. São três diferentes planos com uma série de especialidades médicas, todas de alto padrão profissional em diversas clínicas credenciadas.

  • Plano AnimedPLUS – um plano que cobre consultas ilimitadas, vacinas, esterilização, exames laboratoriais, e mais outros procedimentos.
  • Plano AnimedVIP – o plano cobre nove tipos diferentes de exames laboratoriais, consultas ilimitadas, vacinas, esterilização, remoção de tártaro, anestesias, assistência ao parto e muito mais.
  • Plano AnimedPRO Sênior – plano para cachorros com mais de 5 anos de idade com treze tipos diferentes de exames laboratoriais, consultas ilimitadas e muito mais.

7. Plano de saúde para cachorro: Mister Saúde Animal

Os planos da Mister de Saúde Animal assemelham-se aos planos de saúde para seres humanos. Você recebe um cartão de identificação (exclusivo) para o seu animal beneficiário e ele será assistido à Rede credenciada (Plena ou Preferencial). A Mister de Saúde Animal possui quatro tipo de coberturas diferentes, Ambulatorial (simples), Standard (básico), Executivo (intermediário) e Plus (completo).

Para aderir aos planos, é necessário agendar uma visita em sua residência no dia e hora à sua escolha (de segunda a sábado). Não é necessário a colocação de chip no animal. Não há limitação de utilização dentro da cobertura contratada ou um valor máximo permitido para utilização. Os pagamentos são mensais, através de boleto bancário.

8. Plano de saúde para cachorro: Você Mais Seguro

O plano de saúde para cachorro da Você Mais Seguro, empresa parceira da Porto Seguro, é também muito parecido com um plano de saúde convencional. Com ele, você paga mensalmente, e seu cachorro tem direito a toda assistência médica veterinária no plano em uma enorme rede credenciada.

Seus planos possuem cobertura para atendimento ambulatorial, urgência e emergência, vacinas, consultas e exames laboratoriais. Além disso, todos os planos possuem serviços exclusivos: PetPhone (24hrs atendimento veterinário por telefone), PetHome (atendimento domiciliar) e PetNutri. Além do PetClub que dá descontos em banhos, tosas, acessórios, artigos de petshop e saúde animal, adestramento, e muito mais.

  • PET LIGHT – plano ambulatorial que cobre consultas, exames laboratoriais, procedimentos básicos, urgências, emergências e vacinas. Com isso, uma opção econômica que atende aos problemas eventuais do seu cachorro.
  • PET PLUS – plano ambulatorial e hospitalar que cobre consultas, exames laboratoriais, urgências e emergências. Além disso, mais cobertura para todas as despesas e procedimentos durante as internações. Com isso, uma opção de plano que protege seu cachorro de riscos maiores.
  • PET TOTAL – plano com cobertura completa para seu pet, que inclui consultas, exames laboratoriais, exames de imagem e internações. Ou seja, seu pet tem todas as facilidades da ampla rede credenciada.
  • PET PREMIUM – opção que possui todas as coberturas do Pet Total na rede credenciada. Ainda dá a liberdade de buscar outros especialistas e instituições, recebendo por reembolso até os limites contratados.

Conclusão

A medicina preventiva pode ajudar muito na prevenção de doenças. Ainda por cima, se for aliada à um bom plano de saúde adequado ao seu cachorro e orçamento familiar, é mais eficaz. Pois assim, você garante maior proteção e bem estar ao seu melhor amigo, e aumenta as chances dele viver mais tempo ao seu lado.

TAGS (palavras relacionadas): plano de saúde para cachorro, plano de saúde cachorro, planos de saúde para animais, plano de saúde de cachorro, plano de saúde para cães.

Pergunte ou Responda

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

>