A higiene bucal é primordial para a saúde e prevenção de doenças bucais em cachorros. Mas como deve ser feita a higienização correta? Existe pasta de dente para cachorro?

Vamos esclarecer todas as dúvidas sobre higiene bucal e pasta de dente para cachorro.

Escova e pasta de dente para cachorro – é realmente necessário?

A pasta de dente para cachorro e a escova são fundamentais para a higiene bucal do animal.

A pasta de dente para cachorro e a escova são fundamentais para a higiene bucal do animal.

Animais de companhia, assim como humanos, desenvolvem uma enorme quantidade de germes na boca que acumulam sobre os dentes formando a placa. Com o tempo, sem a correta higienização, esta placa calcifica-se devido à ação dos minerais contidos na saliva e transforma-se em tártaro que pode causar problemas dentários como gengivite e doença periodontal.

Quando chega a este ponto, o mau hálito é o menor dos problemas pois o animal pode começar a sentir muita dor, parar de se alimentar e perder alguns dentes. Além disso, caso o animal tenha alguma doença do coração, fígado ou rins, esse quadro pode ser agravado.

Sim. Em casos graves, as bactérias acumuladas podem cair na corrente sanguínea do bichinho e prejudicar ainda mais o estado de saúde do cachorro debilitado.

O que é a gengivite canina

A gengivite canina é uma inflamação das gengivas. Trata-se do o estágio inicial de uma doença bucal chamada periodontite, ou doença periodontal.

Assim como nos seres humanos, essa inflamação é causada pelo excesso de tártaro nos dentes, que nada mais é que uma placa bacteriana formada pelo acúmulo de restos de comida.

O tártaro é facilmente identificado, devido ao mau hálito e às manchas amareladas nos dentes dos cães. Quando essas placas não são devidamente removidas, causam irritação e inchaço na gengiva, ou seja, o que é chamado de gengivite.

A gengivite é muito comum em cães, e é tratável. No entanto, se não receber atenção, ao longo do tempo as bactérias atingem a raiz dos dentes, e acabam desenvolvendo a doença periodontal avançada. Essa condição sim é muito preocupante, pois pode levar à perda da dentição.

O que é a doença periodontal

A doença periodontal é o distúrbio mais comum da cavidade oral de cães, principalmente de pequeno porte. Inicia-se por acúmulo de bactérias na superfície dos dentes e progride até os tecidos de sustentação que formam o periodonto, que são gengiva, osso alveolar, cemento e ligamento periodontal.

O principal sinal clínico observado pelo proprietário é a halitose. Dependendo do estágio da doença periodontal, esta pode conduzir a conseqüências locais e sistêmicas, como: inflamação e sangramento da gengiva, presença de tártaro, mobilidade dos dentes, salivação excessiva, dentre outras.

Prevenção – escova e pasta de dente para cachorro

Primeiramente, a melhor forma de prevenir estas doença é, como vimos, a higienização bucal correta. Para isso, é muito importante escovar os dentes regularmente, de preferência com a pasta de dente para cachorro mais adequada ao seu pet.

Além disso, existem outros produtos no mercado que tem como objetivo proporcionar higiene bucal. Entre eles, podem-se citar brinquedos e snacks. Todavia a escovação diária dos dentes é o método mais eficaz para remover a placa bacteriana e manter a saúde clínica do animal.

Como fazer a higiene dental e como escolher a pasta de dente para cachorro

Escovar os dentes de um cachorro, no inicio, não é tarefa fácil. O ideal é acostumar o bichinho desde filhote à rotina da escovação. Como nem sempre é possível acostumar desde cedo (ou por desinformação ou por ter adotado um animal adulto), o que importa é começar!

Itens essenciais para a escovação dos dentes dos pets

  • Escova de dentes: As escovas de dentes para cachorro podem ser encontradas facilmente em pet shops.  São escovas de dentes especiais para pets, com cerdas ultra macias e, em geral, um cabo longo para facilitar a ação do tutor.
  • Dedeira de silicone: a dedeira é ideal para os cachorros mais rebeldes ou para acostuma-los aos poucos á manipulação. Trata-se de um objeto macio, com pequenas cerdas que pode ser colocado no dedo indicador.
  • Pasta de dente para cachorro: Aqui vale uma observação importante. Nunca, jamais, utilize pastas de dentes humanas para higienizar a boca do seu cachorro. As pastas de dentes destinadas à humanos possuem flúor em sua composição, e sua ingestão é tóxica. Por isso, compre pasta de dente de cachorro específica para a espécie. É facilmente encontrada em pet shops.

Pasta de dente para cachorro

A pasta de dente para cachorro é um item que ajuda na higienização bucal. No entanto, há muitos tipos de produtos no mercado. Como escolher o mais indicado?

Primeiramente, deve-se estabelecer o objetivo da pasta. De fato, a pasta de dente para cachorro pode conter agentes antissépticos específicos, medicamentos ou ser apenas um coadjuvante para a higiene.

Para esclarecer o objetivo da pasta de dente para cachorro, recomenda-se passar em consulta com um médico veterinário. Ele irá avaliar a condição bucal do cachorro e poderá orientar em relação à predisposição, alimentação e melhor tipo de pasta a ser usada.

Além disso, deve-se escolher o sabor mais agradável ao cachorro. Existem, para isso, pastas de dente para cachorro sabor menta, tutti-frutti e até mesmo sabor carne!! Um creme dental com gosto de comida pode, de fato, ser muito mais agradável e bem recebido pelo o pet.

Também é possível, antes da escolha final, fazer um teste com o seu cãozinho. Basta colocar um pouco de pasta de dente para cachorro no dedo e deixar que ele experimente e se acostume com a textura e o sabor. Se ele recusar, o procedimento deve ser feito outras vezes até encontrar a pasta ideal.

Procedimento

Caso tenha um cão adulto e nunca tenha escovado seus dentes, antes de começar é importante levar seu cachorro ao veterinário para uma avaliação. Isso deve ser feito porque se ele já apresentar um caso de tártaro grave, dentes amolecidos ou até mesmo sangramento na gengiva, é possível machucar a região ao fazer a limpeza sem orientação correta.

Como escovar os dentes de filhotes

Não há duvidas que a melhor coisa para o cachorro e tutor, é começar desde cedo a criar o hábito e a rotina da higiene bucal.

O filhote, é mais receptivo às novidades e fica bem mais fácil introduzir o hábito com a ajuda de bastante reforço positivo, ou seja, sempre que o cachorro colaborar durante a escovação, deve haver algum tipo de recompensa.

Recomenda-se começar massageando a gengiva com uma gaze, e vá apresentando pasta de dentes para cachorro e a escova aos poucos.

Como escovar os dentes de cães adultos

Começar a escovação em um cachorro adulto exige um pouco mais de paciência, no entanto não é impossível. Como escovar dente de cachorro envolve acostumá-lo a um novo hábito, escolha um horário em que ele está mais calmo e relaxado (após o passeio ou banho, por exemplo) e faça disso uma rotina. O ideal é que você tenha bastante paciência e não apresse o processo de adaptação.

  1. Comece massageando as gengivas com o seu dedo e possivelmente uma gaze.
  2. Acrescente a pasta de dente para cachorro
  3. Somente depois de acostumar o cachorro com a nova rotina, comece a usar a escova. Faça movimentos circulares e não coloque muita pressão.

Não é necessário se preocupar com o enxague da boca do animal. A pasta de dentes de cachorro, de fato, é feita para ser usada e engolida com segurança.

Recompense o bom comportamento

Uma maneira de acelerar esse processo é investir no reforço positivo. Não tem problema se você oferecer petiscos no meio da escovação se isso está ajudar a implementar um hábito saudável. no entanto, apenas um carinho ou frases positivas costumam ser suficientes para que ele entenda a aprovação daquele comportamento.

Recomendações para manter a higiene bucal ideal:

  • A limpeza deve ser diária pois o tártaro começa a se formar entre 24 a 48 horas depois da refeição.
  • Prefira oferecer sempre alimento seco (ração) pois a ação mecânica, durante a mastigação, auxilia na prevenção de tártaro.
  • Nunca utilize pasta de dente desenvolvida para humanos. Compre pasta de dente para cachorro, sem flúor. Caso não tenha, escove apenas com água. A limpeza mecânica promovida apenas pela escova de dentes, já é de grande valor.
  • Cães de porte pequeno (principalmente raças como poodle, maltês e yorkshire) tem mais tendência a desenvolver problemas orais. Pode ser necessário realizar periodicamente um procedimento de limpeza mais profunda na clínica veterinária de sua confiança.

Caso não consiga escovar os dentes do animal, ofereça biscoitos, palitos específicos ou produtos higienizantes.
Com estas dicas é possível atrasar o aparecimento de tártaro e placa combatendo assim o mau hálito e prevenindo muitos outros distúrbios. Enfim, caso tenha dúvidas ou dificuldades, peça ajuda ao seu médico veterinário de confiança.

Referências Bibliográficas:

BICHARD,S. J.; SHERDING,R. G. Manual Saunders: Clinica de Pequenos Animais. 2 ed. Sao Paulo, Roca, 2003.

KINDERSLEY, D. CÃES. Rio de Janeiro: JB indústrias gráficas S.A.