Você tem notado algo de errado com o apetite do seu gato? Se o seu gato não come ou parou de comer de uma hora para outra, pode haver razões para isso estar acontecendo — você vai descobrir quais são e como fazer ele passar a se alimentar com prazer.

Geralmente, é mais fácil associar os cachorros a figuras muito mais vorazes que os felinos. De fato, na “cultura pop” é bem mais provável ver gatos bebendo leite no pratinho que comendo ração em seu comedouro.

Mas não se engane — o seu gato deve se alimentar bem e de forma consistente, bem como obter todos os nutrientes necessários para se manter forte e saudável.

Caso isso não esteja acontecendo naturalmente, você deve investigar os motivos. Veja abaixo porque o seu gato pode não estar comendo direito!

Por que o meu gato não quer comer?

O seu gato não come por alguns motivos diferentes.

Se você notar que o seu gato não está comendo ou simplesmente parou de comer de uma hora para outra, você deve tentar investigar os motivos, observando-o mais de perto.

Embora o comportamento possa estar diretamente relacionado a problemas sérios, o fato dele não estar se alimentando pode ter uma razão simples.

Sendo assim, não há necessidade de sair correndo imediatamente para o veterinário antes de tentar identificar antes as razões por trás desse comportamento.

Por outro lado, também não é bom ignorar todas as possibilidades. Apesar da aparência indiferente, os gatos são criaturas muitos sensíveis e temperamentais.

Se o seu gato não come ou parou de comer, algo está errado com ele, assim, fique de olho. E isso vale para o seu cachorro filhote também!

Veja abaixo:

Meu gato não come por estresse ou mudanças

Se o seu gato não come, não significa que ele esteja doente. Ele pode estar sendo afetado por alguma mudança em seu ambiente que pode estar causando algum tipo de estresse.

Quando isso acontece, muitos gatos costumam manifestar a falta de apetite como sintoma. Você se mudou recentemente ou adquiriu um novo animal de estimação?

Começou a passar mais tempo em casa de repente — ou passou a se ausentar novamente após ter passado muito tempo próximo a ele em casa?

Estes fatores externos podem contribuir para a falta de apetite repentina do seu gato. Caso tenha havido uma mudança repentina desse tipo na sua casa que tenha alterado a rotina diária dele e não há nenhum outro comportamento ou sintomas associados, apenas levará um tempo para ele se ajustar.

Se este for o caso, seu bichano vai voltar a comer como antes, uma vez que se sentir confortável novamente com a nova situação e/ou rotina.

Para ajudá-lo a se ajustar às mudanças, você pode tentar fornecê-lo mais conforto e segurança, ser mais paciente. Faça com que ele tenha acesso aos seus objetos favoritos e dê mais atenção a ele durante os horários das refeições.

Mas se os sintomas de estresse forem mais sérios, não podendo ser resolvidos dessa forma mais simples, o veterinário será capaz de tomar medidas para que ele volte a se alimentar de forma adequada.

Portanto, fique de olho no comportamento do gato e em seus hábitos alimentares. Se ele estiver estressado, ele vai apresentar outros sintomas além da falta de apetite. É importante observar o comportamento dele e o ambiente junto ao comportamento alimentar.

Você conhece o seu gato mais do que ninguém, assim observe se ele tem se comportado diferente ou procure algum sinal de mudança, isso determinar uma ida ao veterinário.

Meu gato não come por conta do alimento

Um dos principais fatores para o seu gato não estar comendo é o alimento em si, principalmente se o gato não come, mas está agindo normalmente.

Se for este o caso, provavelmente o comportamento não está relacionado a algum problema comportamental ou de saúde, mas ao tipo de alimento, ingredientes, sabor, etc.

Talvez você tenha mudado a marca ou introduzido um novo sabor que ele não tenha gostado ou ainda não se acostumou. A marca pode também ter mudado a receita ou os ingredientes.

Quando isso acontece, os gatos costumam recusar o alimento por um tempo, afinal estavam acostumados a outra dieta. Se precisar fazer essa mudança, faça gradualmente, aos poucos, até que ele se acostume.

Meu gato não come por problemas de saúde

Bem, há também a possibilidade mais preocupante do gato não estar comendo por conta de algum problema de saúde.Sim, o seu gato não come porque pode estar doente.

Se for este o caso, provavelmente ele apresentará outros comportamentos associados além de não comer, mas se ele estiver evitando olhar para o comedouro, já é um sinal a ser considerado.

Evitar comer, como acontece com a anorexia, pode ser um sintoma direto de doenças adjacentes ou algum efeito colateral causado por dor ou angústia.

Se a questão persistir e/ou você notar algum outro sinal ou sintoma que possa indicar que ele esteja doente, pode haver mesmo algum problema mais sério.

Em caso de doenças, pode ser uma série de coisas, algumas até mais graves que outras. Por exemplo, pode ser apenas dor de dente ou gengivas doloridas provocadas por alguma doença periodontal que causa dor ao mastigar em ração seca.

Ou pode ser também outros problemas de saúde, incluindo questões gastrointestinais, doenças respiratórias ou infecções virais, que costumam reduzir o apetite.

O que devo se meu gato parar e não voltar a comer?

Se o seu gato não come e não quer voltar a comer, procure o veterinário.

Se você já resolveu qualquer questão com o alimento em si, e já ficou de olho no animal para determinar se o comportamento é apenas relativo a um estresse temporário, e mesmo assim o seu gato não come, é hora de consultar um veterinário.

E já que existem várias razões em potencial para o seu gato não estar comendo, o melhor a fazer é consultar um especialista para um diagnóstico mais eficiente.

É importante levar o gato ao veterinário, não só para diagnosticar problemas de saúde em potencial, mas também porque pode ser perigoso o animal parar de se alimentar de repente.

Enquanto o gato deixar de comer é um sinal de problemas de saúde, é também nada saudável para ele não se alimentar bem. Afinal isso por si só já pode levar a questões de saúde mais sérias.

Por exemplo, gatos acima do peso que param de comer podem desenvolver doenças do fígado, que se não forem tratadas, podem ser fatais.

Como todo animal, os gatos precisam de alimento! Se o seu gato não come, siga os conselhos do seu veterinário para fazê-lo voltar a comer novamente.

Além disso, tente escolher a melhor ração para gato que puder, bem como manter a dieta dele sempre saudável.

Por Equipe Editorial

O Vidanimal.com.br acredita que compartilhar um bom conteúdo é a melhor maneira de fazer com que a informação chegue ao seu destino ou público alvo. Educar e conscientizar as pessoas é a nossa missão. Procuramos criar parcerias com profissionais empenhados em fazer parte dessa missão. Contamos com uma equipe de colaboradores que amam aquilo que fazem e se dedicam todos os dias para levar até você um conteúdo informativo de qualidade.

Deixe uma resposta