como-manter-cachorro-calmo-fogos
(Crédito/Copyright: “/Shutterstock”)

Como manter o cachorro CALMO durante noite de queima de fogos

Cachorros costumam ficar aterrorizados com barulho de queima de fogos

As festas de fim de ano se aproximam e com elas temos as famosas noites de queima de fogos, o que para muitos donos de cachorro, é a época do ano que eles mais se preocupam. Você pode imaginar a razão para tanta preocupação?

O barulho e as luzes coloridas no céu causados pela queima de fogos podem afetar até mesmo os cães mais tranquilos, e às vezes mantê-los fora do alcance do barulho ou forçá-los a ficar dentro de casa presos pode ser uma tarefa árdua.

Mas há coisas que podemos fazer para tranquilizar cachorros mais nervosos. Segundo o veterinário celebridade da TV americana Marc Abraham e a especialista em comportamento canino Carolyn Menteith existem pequenas ações que podemos fazer para aliviar esse stress e todo o trauma que noite de fogos de artifícios podem causar. Eles compartilharam algumas de suas dicas conosco.

como-manter-cachorro-calmo-fogos-whippet
Whippet escondido em meio a almofadas para não ouvir barulho dos fogos de artifícios. (Crédito/Copyright: “Por Dalaifood/Shutterstock”)

Marc recomendou construir uma espécie de “forte”, uma fortaleza canina à prova de perigos – na verdade, se possível, uma área mais isolada da casa onde ele possa se sentir protegido e ter para onde ir quando se sentir ansioso ou nervoso. De preferência, um local que não absorva tanto o barulho lá de fora.

Para muitos cachorros, o próprio local onde dormem, suas camas ou até atrás do sofá; qualquer lugar onde eles se sintam mais confortáveis. De acordo com Marc, é importante também que o dono também permaneça calmo, para não estressar ainda mais o cachorro e procurar não importuná-lo caso ele encontre um local seguro para ficar. Se for perto de você, que seja. Faça companhia extra à ele nessa noite turbulenta.

Carolyn aconselha os donos a ficarem alertas quanto à qualquer problema, como procurar por sinais de ansiedade no cachorro – como ficar lambendo as patas ou ficar bocejando demais. Há outros sinais mais sérios como ofegar, tremer ou tentar se esconder atrás de móveis pela casa.

Segundo a especialista, ansiedade canina pode levar o cachorro a perder a noção de onde fazer suas necessidades e até começar a morder por causa do medo, por isso é importante tomar cuidado com as crianças ao redor do cachorro em noites de fogos de artifícios ou qualquer outro momento em que ele esteja sob stress.

como-manter-cachorro-calmo-fogosgolden-retriever
Garotinha dando atenção extra e carinho para o seu Golden retriever em noite de fogos de artifícios. (Crédito/Copyright: “Por Pressmaster/Shutterstock”)

Planejar com antecedência é uma boa ideia – ambos os especialistas concordam que procurar saber a hora e os locais das apresentações de fogos de artifícios, assim como checar se os vizinhos terão alguma festa planejada em que haverá queima de fogos devem ser prioridade para quem tem cachorro com esses problemas. Assim você terá a chance de se esquematizar – alimentá-lo bem e caminhar com ele para que ele se sinta mais confortável antes de dormir é uma boa ideia.

Marc ainda diz que alguns suplementos também podem ajudar a reduzir o stress e a ansiedade nos cachorros. Alguns deles combinam valeriana, camomila, L-triptofano e gengibre para acalmar nossos amigos caninos. Segundo ele, estes suplementos são extremamente fáceis de usar – é só adicionar algumas gotas do líquido na comida do cachorro – é natural e costuma funcionar em cerca de 15 minutos.

E por fim, mantenha-o dentro de casa, mesmo que ele não pareça assustado com todo o barulho. Feche as cortinas ou bloqueie janelas e portas de alguma forma para não entrar o som ou para que eles não fujam de medo.

Se nada disso funcionar, quem sabe sair da cidade e procurar um local afastado, longe de confusão em tempos como estes.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *