Existem alguns alimentos que são muito prejudiciais à saúde do cachorro e, por isso devem ser evitados. Por exemplo, chocolate para cachorro é proibido, pois é um alimento venenoso para o seu organismo. Por isso, se você estava curioso, querendo saber se o seu cachorro pode comer chocolate, a resposta é: Não.

No entanto, o perigo ao ingerir chocolate para o cachorro vai depender muito do tipo de chocolate, da quantidade que ele ingeriu e do tamanho dele. Em caso de ingestão de grandes quantidades, chocolate e qualquer outro alimento derivado de cacau ou ingredientes achocolatados podem até matar o cachorro.

Assim, o mais prudente seria não oferecer este alimento ao cachorro e tentar evitar que ele coma “pedacinhos” encontrados por aí. Todo cuidado é pouco, principalmente se ele for um desses “comilões gulosos”, que adoram provar de tudo.

Veja abaixo porque cachorro não pode comer chocolate!

Por que não se pode dar chocolate para cachorro?

Chocolate para cachorro pode matar.

Enquanto para nós humanos o chocolate é sinônimo de alegria e até estimulante para a produção do “hormônio da felicidade”, ele contém uma substância tóxica para os cachorros chamada “teobromina”.

Os humanos conseguem metabolizar a teobromina facilmente, mas os cachorros a processam muito mais devagar, o que acaba permitindo um acúmulo maior de níveis tóxicos em seu sistema digestivo.

Quais os principais sintomas de envenenamento

Obviamente, um cachorro de grande porte pode consumir quantidades maiores que um cachorro de porte pequeno, sem sofrer efeitos nocivos. Provavelmente, uma quantidade pequena de chocolate vai apenas causar uma indigestão estomacal, resultando em vômitos ou diarreia.

Porém, a ingestão de chocolate em grandes quantidades, a teobromina pode causar tremores musculares, convulsões, batimentos cardíacos irregulares, hemorragia interna ou ataque cardíaco.

Geralmente, o início do envenenamento por teobromina é marcado por sintomas de hiperatividade grave.

O que fazer se o meu cachorro comer chocolate?

O tratamento mais comum no caso de envenenamento por teobromina é a indução do vômito em até duas após a ingestão. Caso você suspeitar que o seu cachorro tenha ingerido uma grande quantidade de chocolate e ele estiver apresentando qualquer sinal ou sintomas descritos acima, procure o veterinário imediatamente.

Por exemplo, se o seu cachorro for pequeno e comeu uma caixa inteira de bombons de chocolate, você deve levá-lo ao veterinário imediatamente. Não espere que ele apresente sintomas para procurar ajuda.

Mas todo chocolate pode ser venenoso?

Existem muitos tipos de chocolate e derivados. Por isso, os níveis de teobromina presentes no alimento podem variar bastante. Os chocolates mais puros, com maior concentração de cacau contém os níveis mais altos, como cocoa, chocolate para cozinhar e chocolate preto. Já os chocolates ao leite e chocolate branco, por exemplo, tem níveis bem menores.

Porém, se você estiver lidando com qualquer quantidade de chocolate preto ou amargo, é melhor tomar cuidado. O alto nível de teobromina nestes tipos de chocolates pode envenenar um cachorro facilmente, mesmo em pequenas proporções (menos de 28g de chocolate preto ou amargo pode ser o suficiente para envenenar um cachorro de 20kg).

Portanto, o chocolate não deve ser nunca uma recompensa para o cachorro, não importa o que ele mereça. Sempre forneça alimentos adequados e específicos para o porte e a raça do seu animal, ou então recompense-o com muito amor e atenção, eles também adoram!

Por Equipe Editorial

O Vidanimal.com.br acredita que compartilhar um bom conteúdo é a melhor maneira de fazer com que a informação chegue ao seu destino ou público alvo. Educar e conscientizar as pessoas é a nossa missão. Procuramos criar parcerias com profissionais empenhados em fazer parte dessa missão. Contamos com uma equipe de colaboradores que amam aquilo que fazem e se dedicam todos os dias para levar até você um conteúdo informativo de qualidade.

Deixe uma resposta