Todo cão e gato possui suas diferenças com relação ao tamanho, alimentos que consomem, estilos de comunicação, armazenamento de memória, necessidades fisiológicas e físicas.

Quer você esteja curioso para saber mais sobre os seus próprios animais de estimação, ou apenas querendo descobrir diferenças entre os dois animais, saiba que essa discussão já é bastante antiga.

E se você estiver pensando em adquirir ambos, pela primeira vez, para conviver todos juntos em casa com você, esse post é fundamental.

Enquanto alguns animais de estimação exóticos estão ficando cada vez mais populares, os cachorros e gatos ainda lideram no topo do ranking como favoritos da grande maioria.

Observe abaixo algumas diferenças entre cão e gato, que todo tutor deve saber para se manter no controle em casa. Confira!

Diferenças nas características físicas do cão e gato

Cão e Gato possuem características diferentes em diversos aspectos.

Obviamente, as características físicas entre o cão e gato são as mais fáceis de notar. Mas existem alguns detalhes que não pensamos a respeito ou não reparamos.

Por exemplo, os gatos possuem garras que eles usam para proteção, pegar e segurar alimento e para escalar.

Por outro lado, as garras dos cachorros, ou melhor, unhas, são mais macias. Elas costumam ser gastas durante as atividades físicas, como caminhar no asfalto.

Outra diferença é que os gatos possuem uma construção corporal feita para furtividade e agilidade, enquanto os cachorros de energia.

Diferenças de comportamento entre cão e gato

O comportamento e personalidade de cães e gatos variam bastante. O comportamento felino se resume em sonecas durante o dia e maior atividade de noite.

Já os cachorros são mais sociáveis e ativos, gostando mais de se exercitar e brincar durante o dia. Eles preferem ficar na companhia do tutor, passear ou apenas ficar deitado ao seu lado.

É mais fácil também prever o comportamento de um cachorro comparado ao gato, que são mais independentes e solitários.

Diferenças na sonoridade do cão e gato

Cão e Gato emitem sons diferentes.

Seja dando um aviso ou comunicando prazer e empolgação, os sons emitidos pelo cão e gato não são nem um pouco semelhantes.

Os cachorros gemem ou suspiram quando estão felizes. Eles vão latir e mostrar os dentes quando estão intimidados ou querem alertar sobre algo. Já os gatos, por outro lado, ronronam, miam e rosnam.

Diferenças na alimentação entre cão e gato

Os gatos são estritamente carnívoros e exigem nutrientes essenciais e aminoácidos, enquanto os cachorros são onívoros e podem comer como os seres humanos.

A alimentação do gato, por exemplo, deve ser em pequenas quantidades, e frequentemente.

Já os cachorros podem comer alimentos de base animal ou vegetal, em grandes proporções com menos frequência.

Mas o mais importante, é entender as necessidades nutricionais de cada um, embora ambos precisem de proteínas na maior parte.

Diferenças de necessidades fisiológicas

Cão e gato possuem necessidades biológicas distintas.

Os gatos são diferentes dos cachorros com relação às suas necessidades fisiológicas, e quanto a forma como eles defecam e urinam.

Gatos podem aprender a fazerem suas necessidades em locais apropriados por si mesmos, exigindo menos esforço da nossa parte. Tanto que muitos tutores utilizam a caixa de areia para gatos dentro de casa.

Cachorros, por exemplo, são mais seletivos quanto onde fazem suas necessidades e dão mais trabalho para aprender.

O tutor deve dedicar mais tempo e se esforçar para treinar o cachorro para que ele entenda quando e onde fazer suas necessidades. Além disso, você tem que levar o cachorro para fora de casa para ele poder se aliviar, se não tiver um quintal ou local pra isso.

Diferenças na linguagem corporal

A forma como o cão e gato usam seus corpos para se comunicar com os humanos é completamente diferente.

Por exemplo, os cachorros balançam o rabo para demonstrar afeição ou indicar que estão felizes e quem brincar. Já os gatos, por outro lado, balançam a cauda quando estão insatisfeitos.

Diferenças de treinamento entre cão e gato

Há diferenças na forma de treinar entre cão e gato.

Sim, é possível treinar um gato. Mas as sessões de treinamento devem ser curtas e feitas de forma independente.

É mais natural treinar cachorros, porque isso tem sido feito por séculos. Mas é possível treiná-los em grupo, durante sessões mais longas.

Diferenças na capacidade de memorização

Os gatos possuem uma memória melhor que a dos cachorros, pois eles possuem um curto espaço de tempo para lembrar das coisas, menos que 5 minutos.

Por isso, eles precisam de lembretes constantes e treinamentos repetitivos. Os gatos, por exemplo, podem lembrar de coisas por 16 horas.

Diferenças em necessidades emocionais

Cão e Gato têm suas necessidades emocionais diferentes.

O seu cachorro vai ficar empolgado com os seus elogios e fagos. Um carinho na cabeça e poucas palavras já ajudam a reforçar um bom comportamento. Já os gatos não ligam muito para isso, mas ainda assim gostam de se sentir apreciados.

Diferenças de necessidades físicas no cão e gato

A maioria dos cachorros adoram correr e amam ser levados para passear. eles possuem necessidades específicas de exercício, dependendo da raça, e precisam que o tutor os acompanhe.

Os gatos são mais independentes e são ativos sozinhos. Eles são ágeis e podem brincar ocasionalmente, como perseguir objetos manuseados pelo tutor. Mas normalmente eles participam em atividades menos rigorosas.

De uma forma geral, há muitas diferenças entre o cão e o gato, mas a única necessidade que ambos compartilham é receber atenção e o amor de seus donos.

Esperamos que essas diferenças todas possam lhe ajudar a entender melhor os seus animais de estimação.

Por Equipe Editorial

O Vidanimal.com.br acredita que compartilhar um bom conteúdo é a melhor maneira de fazer com que a informação chegue ao seu destino ou público alvo. Educar e conscientizar as pessoas é a nossa missão. Procuramos criar parcerias com profissionais empenhados em fazer parte dessa missão. Contamos com uma equipe de colaboradores que amam aquilo que fazem e se dedicam todos os dias para levar até você um conteúdo informativo de qualidade.

Deixe uma resposta