Falar sobre canil de cachorro tornou-se um assunto muito polemico nos últimos anos. De fato, graças à tecnologia que permite filmar e fotografar, vieram a tona muitas histórias sobre maus tratos de animais nas redes sociais.

Por causa dessa evolução tecnológica houve, também, uma conscientização muito maior em relação ao abandono de cachorros sem raça definida, mais conhecidos como vira-latas. Por isso, muitas celebridades começaram a fazer campanhas contra a compra de animais já que muitas coisas negativas são ditas a respeito de criadores.

Mesmo assim, muitas pessoas são apaixonadas por determinadas características de raças específicas, e preferem adquirir um animal com aquele padrão físico ou comportamental.

Como escolher o melhor canil de cachorro?

Primeiramente, é importante não adquirir um cachorro em um pet shop ou em classificados. Isso porque normalmente os animais são oriundos de canis de cachorro que visam apenas o lucro sem pensar na saúde e bem estar dos animais.

Achar um canil sério, certamente, não é uma tarefa fácil e requer dedicação e pesquisa. Portanto, a primeira coisa a se procurar para evitar qualquer tipo de problema é um criador ético!

Código de Ética

A CBKC divulgou em seu site o código de ética e disciplina dos Cinófilos. No site, é possível ler o documento integralmente. No entanto, apresentaremos aqui somente a seção IV, que trata dos Deveres do Criador de Cães.

Art. 11 – São deveres do Criador de Cães:

I – manter em reprodução apenas animais sadios, não portadores de taras ou de faltas
desqualificantes;
II – não proceder ao registro de qualquer animal portador de tara, atipia flagrante ou
falta desqualificante;
III – denunciar ao Registro Genealógico a superveniência de faltas, taras ou atipias em
qualquer animal de sua propriedade ou criação;
IV – respeitar as áreas de jurisdição das diferentes entidades filiadas, abstendo-se de
registrar em entidades fora da jurisdição;
V – comunicar o óbito de cães ao Registro Genealógico;
VI – fornecer dados exatos em documentos ou atos cinófilos abstendo-se de:
a) alterar dados referentes a origem e ancestrais;
b) alterar datas de nascimento;
c) empregar títulos não devidamente homologados pela CBKC, ainda que
penas com fins publicitários.
VII – manter seus cães em boas condições de higiene, saúde, nutrição e salubridade, não
permitindo que de qualquer forma sejam submetidos a situação de maus tratos.
VIII – abster-se de veicular qualquer tipo de propaganda que mediante falsos dados,
possa induzir terceiros a erro.
IX – Permitir, caso se faça necessário, que seus cães e canil sejam vistoriados por pessoa
devidamente autorizada pela CBKC e entidades filiadas.
X – não atribuir ascendência a cães que não a tenham, nem tolerar que outros o façam,
denunciando o fato a autoridade cinófila competente.

Como encontrar um bom canil de cachorro?

Antes de mais nada, bons criadores dispõem de instalações limpas e organizadas. Além disso, os cães são ativos, felizes e saudáveis.

Um criador ético é aquele que tem auxilio constante de um médico veterinário de confiança, prezando pela saúde e qualidade de vida de seus animais. Além disso, é o criador que  utiliza os melhores produtos e serviços disponíveis no mercado pet atual, como por exemplo ração super premium tanto para mãe quanto para os filhotes.

Ao visitar o canil de cachorro de um criador ético, ele fará questão de te mostrar a infraestrutura, os pais da ninhada, os documentos e, provavelmente, vai lhe fazer muitas perguntas, para se certificar de que você vai cuidar bem do filhote que está levando para casa. Além disso, jamais entregará o filhote sem que tenha feito o período de desmame completo.

Evite, portanto, os criadores que:

• Não têm muito interesse em lhe atender;
• Não sabe muitos detalhes sobre a raça;
• Não pertencem a um clube de criadores;
• Não sabe sobre os problemas genéticos mais comuns à raça;
• Não puder lhe mostrar os documentos do animal ou veterinário.

Como encontrar um canil de cachorro?

Primeiramente, entre em contato com o Kennel Club de sua região. Eles, de fato, oferecem informações e detalhes sobre canis credenciados, com filhotes registados para venda.

A estrutura do canil de cachorro

Algumas estruturas devem ser planejadas, de acordo com o espaço disponível. No geral, recomendam-se estruturas como:

Baias

O ambiente deve ser, preferencialmente feito de alvenaria, com forro plástico (PVC) ou mesmo laje, o que facilita o controle térmico. Se houver um controle de temperatura adequado, o pé direito pode ser relativamente baixo (2,5 a 2,7). Por outro lado, se a temperatura não for um problema, o pé direito pode ser alto e o espaço pode ser aberto.

O piso deve ser adequado, estar devidamente inclinado e ter uma excelente drenagem, o que facilita muito a higienização correta do local.

Maternidade do canil de cachorro

Um dos locais mais importantes de um canil é sua Maternidade! É lá onde, eventualmente, nascem os filhotes e onde eles passam as primeiras semanas de vida.

Uma boa maternidade tem um ótimo controle térmico e equipamentos como termômetro, balança, luvas, ventilador, aquecedor, entre outros.

O piso deve ser adequado para dar firmeza aos filhotes e mesmo assim deve ser fácil de limpar.

Uma acesso visual via uma janela de vidro também pode estar presente, assim é possível efetuar o monitoramento dos animais, sem necessariamente entrar no recinto.

Cada Baia deve ter um local adequado para descanso, respeitando as características dos animais. Além disso, deve haver local para água e um local para a alimentação.

Área de Lazer

Um ou mais espaços amplos para os animais se exercitarem são indispensáveis. Nesse espaço podem haver brinquedos para estimulá-los tanto fisicamente quanto mentalmente.

O tamanho do espaço deve ser de acordo com o nível de energia que cada raça necessita. O ideal é que também existam espaços para pequenos repousos.

Quanto mais tempo os animais passarem nesses espaços, melhor. Mas o ideal é que sempre exista um acompanhamento para evitar eventuais conflitos.

Lavatórios

Ter lavatórios ou lavabos no espaço permite ao criador uma rápida higienização das mãos. Dependendo do Tamanho do Canil, ter alguns lavatórios irá incentivar uma higienização maior e, consequentemente, diminuição do risco de eventuais contaminações entre os animais.

Sala de Banho

Um local específico para banhar os cães é fundamental para a manutenção deles. De fato, com uma quantidade grande de animais, utilizar serviços terceirizados é inviável na maioria das vezes.

Além disso é possível adquirir produtos de higiene para cachorro em grandes volumes e reduzir os custos de insumos.

Depósito

Uma pequena área fechada, seca e com controle térmico é necessário para guardar os produtos como medicamentos, alimentos, produtos de higiene e produtos de limpeza. Esses últimos, de preferencia separados dos produtos de consumo. Devem, portanto, ser mantidos em quartinho ou armário separado.

É importante que os alimentos e medicamentos estejam protegidos para evitar infestações e contaminações. Além disso, o depósito deve ser muito bem fechado para evitar a entrada de roedores ou insetos.

Escritório

Um canil de cachorro pode permitir visitas e, portanto, deve ter um local adequado para recebe-las. Isso, no entanto, ocorre mais quando o canil é realmente grande.

Um bom escritório deve possuir, no mínimo, um espaço para uma mesa de trabalho, um espaço para conversas ou reuniões e um armário para guardar a documentação da criação. Além disso, um escritório é útil para separar o ambiente de trabalho da residência, quando as duas estão juntas.

Demais dependências

É possível que o canil de cachorro tenha outros ambientes, no entanto dependerá do espaço físico disponível. Entre esses espaços estão:

  • Quarentena – Um local destinado a cães recém chegados ou que estiveram um grande período fora. Esse espaço deve ficar relativamente afastado das baias dos demais animais e o contato com o animal em quarentena deve ser feito com muito cuidado.
  • Ambulatório – Um espaço para que o Veterinário possa fazer consultas e análises nos animais.
  • Lavanderia – Geralmente um espaço para lavar os materiais utilizados pelos funcionários, pelos animais, etc.
  • Cozinha – Se o criador utilizar AN ou para preparar pequenas refeições dos funcionários ou mesmo do criador.
  • Banheiro – Um banheiro para uso dos funcionários ou do criador quando estiver realizando as atividades do canil.

Mais dicas para a compra do seu filhote

Alguns passos simples irão ajudá-lo a garantir que você está adquirindo um filhote de um bom canil de cachorro.

• Visite sempre o criador nas suas instalações e observe a ninhada junto com a mãe.
• Certifique-se de o criador irá dar-lhe assistência integral, dicas sobre a dieta, dados de vacinação e informações sobre o pedigree.
• Pergunte ao criador sobre o Certificado de Registro no kennel club. Se ele ainda não tiver esse documento, solicite, por escrito, o compromisso de que irá enviá-lo a você, assim que estiver disponível.
• Certifique-se de que o criador assina o “Documento de registo de mudança de propriedade” com os dados do certificado de matrícula. E verifique se a data de venda está correta.