Tutores responsáveis precisam priorizar a segurança de seus animais de estimação, principalmente o cachorro que foge.

Utilizar uma cerca para limitar as suas tentativas de fuga e mantê-lo seguro é uma das muitas opções para solucionar esse problema.

Não há um tutor sequer no mundo que não considere o seu cachorro um importante membro da família, um companheiro leal e um protetor eficiente.

Eles parecem estar sempre ao nosso lado, nos apoiando e alegrando, mesmo nos momentos mais difíceis.

Por outro lado, os cachorros podem nos levar à loucura, sendo muitas vezes difíceis de lidar.

Estudos já mostram que os cachorros podem dar trabalho com ataques de agressividade, latidos em excesso, desobediência e fugas a todo momento.

Mas no caso das fugas, em particular, você saberia dizer porque eles gostam tanto de escapar? E como lidar com o cachorro que foge?

Entenda abaixo as razões para esse comportamento e como solucionar isso!

Confira!

Cachorro que foge para fazer suas necessidades

Tem cachorro que foge para escolher onde fazer suas necessidades com mais liberdade e marcar território.

A principal razão para os cachorros fugirem no meio do dia é para fazer as suas necessidades básicas.

Alguns cachorros podem até serem treinados a fazer sua necessidades em locais apropriados, enquanto outros preferem procurar por um belo gramado verdinho no jardim.

Mas há mais que isso. Algumas raças são mais temperamentais e frescas quanto ao local onde preferem se aliviar.

Cachorros de diferentes raças fazem de forma semelhante, como uma forma de comunicação entre eles.

Na maioria das vezes, é para marcar território e deixar que outros saibam que estiveram na área. É também um sinal de que são amigos ou inimigos de outros cães.

Por isso, para evitar que o seu cachorro fujão continue escapando tanto, leve-o para caminhadas em horários específicos para que ele possa se aliviar em locais escolhidos por eles mesmos.

Cachorro que foge para brincar com outros cachorros

Tem cachorro que foge para brincar com outros na rua.

Os cachorros adoram ficar de olho no ambiente ao redor e muitas vezes tentam escapar de casa para interagir com outros cachorros ou pessoas na rua.

Uma das maiores razões que justificam o cachorro que foge é para terem oportunidade de brincar e se exercitar, principalmente se não estão tendo tempo suficiente para essas atividades com o dono.

A maioria dos veterinários recomendam que raças de porte maior devem se exercitar por, pelo menos, 30 minutos a 2 horas.

Eles aliviam o tédio através da ação de correr para fora de casa. Ao permitir que eles tenham mais oportunidades para fazer isso com liberdade vai evitar que eles fujam o tempo todo.

Além disso, quanto mais estímulo físico, menos chances deles ficarem obesos, sendo o os batimentos cardíacos ficarão cada vez mais fortes.

Cachorro que foge para brigar ou caçar

Existe cachorro que foge para perseguir presas.

A desculpa mais comum para o cachorro que foge é ter avistado um de seus inimigos naturais, um gato de rua ou algum cachorro da vizinhança, que insistem em vaguear ao redor da casa instigando para que ele fuja para persegui-los.

Mas isso pode ser perigoso se eles se empolgam na perseguição e cabam se perdendo ou se machucando.

Pesquisas mostram que mais de 6 milhões de cachorros são mortos por atropelamentos todos os anos, seja por carros ou motorcicletas. É um número muito alto e uma triste realidade que não deve ser ignorada.

Portanto, se você é um tutor responsável, é seu dever procurar por soluções que impeçam que o cachorro fuja e mantenha-o seguro em casa.

Cachorro que foge para encontrar com o dono

Tem cachorro que foge porque não aguenta esperar pelo dono voltar para casa.

Uma das maiores atributos dos cachorros é a sua devoção incondicional ao dono. Por isso, há uma única razão para o cachorro que foge se comportar mal dessa forma.

Segundo estudos, os cachorros são naturalmente impacientes, especialmente com relação à comida, mas também quando o dono não está à vista.

Eles possuem a tendência a ficarem estressados quando deixados sozinhos por muito tempo. Mesmo que a ansiedade aumente, eles costumam esperar pacientemente até que o dono retorne para casa.

No entanto, uma vez ou outra, ele pode tentar escapar por não aguentar esperar por você, na tentativa de curar a ansiedade e na esperança de ir ao seu encontro.

Cachorro que foge para ter contato com outras pessoas

Existe cachorro que foge para ter contato com outros humanos.

Existem 132 raças de cachorros no mundo inteiro, que variam em tamanho, quantidade de energia e características, mas se tem uma única coisa em comum entre todas elas é o amor pelos seres humanos.

Portanto, uma das preferências do animal é o contato com as pessoas. Assim, se o seu cachorro que foge é também daqueles que costuma se sentir solitário, é para ter contato com outras pessoas e receber o carinho delas.

Para concluir…

Os nossos cachorros são um dos presentes mais preciosos que podemos receber na vida, são como filhos, que nos dão em troca amor incondicional.

Criar memórias boas ou ruins com eles não tem preço. Por isso, devemos prestar mais atenção neles e tentar entender porque eles tentam escapar de vez em quando.

Ao limitar suas ações você não estará ajudando, nem vai conseguir estreitar os laços entre vocês.

Tudo o que você precisa fazer é ser mais vigilante e monitorar melhor esse comportamento para entender a razão das fugas, solucionando a causa principal.

Esperamos ter ajudado com o artigo!

Por Equipe Editorial

O Vidanimal.com.br acredita que compartilhar um bom conteúdo é a melhor maneira de fazer com que a informação chegue ao seu destino ou público alvo. Educar e conscientizar as pessoas é a nossa missão. Procuramos criar parcerias com profissionais empenhados em fazer parte dessa missão. Contamos com uma equipe de colaboradores que amam aquilo que fazem e se dedicam todos os dias para levar até você um conteúdo informativo de qualidade.

Deixe uma resposta