Se você tem um animal de estimação, sabe que a castração é uma necessidade, entre muitos outros benefícios para a saúde dele. Embora o procedimento seja totalmente seguro, o cachorro castrado vai precisar de alguns cuidados extras para garantir a sua recuperação mais rápida.

Além de ajudar a acalmá-lo e melhorar o seu comportamento, especialmente para o treinamento, castrar o cachorro é um ato de amor, pois você estará contribuindo para a preservação da espécie e ainda estará salvando vidas, assim como eliminando futuras preocupações com a saúde dele.

Atualmente, os procedimentos de esterilização animal são relativamente rotineiros, à medida que cada vez mais pessoas estão compreendendo a importância da sua realização para a vida de seus animais.

No entanto, como em qualquer procedimento cirúrgico, o cachorro precisará passar por um período de recuperação e, enquanto eles estiver se recuperando, você vai ter que passar um bom tempo com ele enchendo-o de cuidados.

Veja abaixo 6 dicas práticas de como cuidar do seu cão após a castração para garantir que a sua recuperação seja rápida, sem maiores complicações.

Acompanhe!

1. Cachorro castrado precisa descansar

O cachorro castrado precisa descansar bastante e ter tranqilidade em casa.

Logo após a cirurgia, após uma semana, você terá que se esforçar em manter uma rotina bem tranquila para o seu cachorro. Um cachorro castrado não deve fazer esforço físico ou os pontos podem se romper.

A tarefa pode ser um tanto mais difícil se ele for do tipo mais ativo, acostumado com a agitação. Ou se ele ainda for um filhote cheio de energia. Mas é sua responsabilidade garantir o seu descanso, mantendo as coisas bem discretas pela casa.

2. Não deixe de verificar sinais de infecção

Fique atento a todos os sinais de infecção, incluindo febre.

Você deve todos os dias verificar a presença de sinais de infecção, entrando em contato com o seu veterinário caso notar algo fora do comum. Normalmente, o animal vai apresentar suturas na pele e ao redor do corte cirúrgico.

Fique de olho em qualquer tipo de vermelhidão e inchaço no local, pois é bastante comum cachorro castrado desenvolver algum tipo de infecção após a operação. Por isso, mantenha-se atento ao curativo sempre seco e efetue a troca conforme recomendado. Caso você notar algum sintoma, incluindo febre, ligue para o veterinário imediatamente.

3. Cachorro castrado não pode lamber o local

O cachorro castrado pode precisar usar colar elisabetano para não lamber o local.

É normal que o cachorro castrado tente lamber os pontos ou até mastigá-los. Os colares pós-cirurgia (elisabetano) podem funcionar nos primeiros dias, mas são realmente desconfortáveis. Se ele é do tipo que não vai deixar o ferimento pra lá, converse com seu veterinário sobre algum método mais eficaz para mantê-lo afastado do ferimento.

O colar elisabetano é a medida de proteção mais comum e costumam ser eficientes, porém um colar inflável pode ser outra opção mais confortável. Já as coleiras eletrônicas devem ser usadas como último recurso, visto que podem ser desconfortáveis ​​e irritantes. Esses colares vão garantir que a ferida cicatrize mais rápido e fique menos propensa a inflamar ou infectar.

4. Verifique a presença de odor

Para amenizar o mau cheiro do cachorro castrado que não pode tomar banho, escove-o com produtos deodorizantes.

Após a cirurgia de castração, o cachorro castrado ficará impossibilitado de molhar o ferimento. Dessa forma, os banhos serão restringidos após a cirurgia por até 14 dias, até que a ferida esteja completamente fechada.

Portanto, tenha em mente que o cachorro vai cheirar mal por conta da falta de banho, principalmente nas suas partes íntimas. Alguns donos podem ficar incomodados, mas lembre-se que isso é temporário.

Você vai poder usar produtos do tipo shampoo a seco e escovar a sua pelagem, assim como usar lenços umedecidos para limpar suas partes privadas, evitando que o mau odor permaneça. As fraldas descartáveis de cachorro nesse período também podem ser uma boa opção.

Por outro lado, se o cachorro castrado apresentar um odor pútrido após a cirurgia, isso pode ser um sinal de infecção no ferimento. Em caso de dúvida, consulte o seu veterinário para evitar que o problema se agrave.

5. Invista em curativos pós-operatórios

É preciso manter os curativos adequados no cachorro castrado

Além do colar para evitar que o cachorro castrado fique lambendo o ferimento, um bom curativo pode ser uma outra maneira inteligente de evitar os danos após a cirurgia. Você pode enfaixar o local e utilizar alguma peça de roupa para um proteção extra.

Existem produtos para curativos específicos que não prejudicam a respiração da pele e muito eficazes para a proteção pós-cirurgia. Eles podem ajudar no processo de cicatrização e proporcionar alívio extra para as áreas mais irritadas, além de reduzirem significativamente as chances do cão lamber ou morder a ferida.

6. Cachorro castrado precisa ser distraído

Embora o cachorro castrado tenha que ficar calmo, você pode distraí-lo fazendo companhia pra ele.

O segredo para uma recuperação bem-sucedida de um pós-operatório é manter o cachorro castrado distraído e fora do alcance do ferimento. Além disso, você também terá que manter seu cão calmo e tranquilo, para evitar que destrua o curativo ou danifique os pontos, prolongando ainda mais o processo de cicatrização.

Sendo assim, mantenha a rotina calma, mas não deixe de levá-lo para dar uma voltinha de leve próximo à sua casa, sem que ele se esforce muito.Mantenha-o na coleira a fim de controlar melhor seus movimentos, evitando que ele corra.

Ofereça à ele brinquedos para mastigar e morder para distraí-lo e fazer com que ele esqueça do ferimento. Mantenha-o ativo durante o dia e faça bastante companhia à ele, para que de noite ele possa descansar exausto.

A maioria dos cães se recupera rapidamente após a castração e isso não leva mais que algumas semanas, não chegando nem a um mê inteiro.

Se você seguir essas seis dicas de como cuidar do cachorro castrado você não vai ter problemas, principalmente se nesse período ainda enchê-lo de amor e carinho e atenção.

Só isso vai garantir uma recuperação rápida e sem traumas!

Por Equipe Editorial

O Vidanimal.com.br acredita que compartilhar um bom conteúdo é a melhor maneira de fazer com que a informação chegue ao seu destino ou público alvo. Educar e conscientizar as pessoas é a nossa missão. Procuramos criar parcerias com profissionais empenhados em fazer parte dessa missão. Contamos com uma equipe de colaboradores que amam aquilo que fazem e se dedicam todos os dias para levar até você um conteúdo informativo de qualidade.

Deixe uma resposta