Mercado pet continua sendo uma opção de negócio lucrativo

Números divulgados ao longo destes últimos anos pelo IBGE já apontavam que o mercado pet vem resistindo à crise e está em constante expansão com relação a anos anteriores. Assim, consolidando-se como um dos negócios que mais crescem no Brasil.Apesar das especulações e noticiários, a economia brasileira ainda não dá sinais concretos de grande melhora. Em contrapartida, o mercado de animais de estimação vem crescendo devagar. No entanto, resistindo de forma resiliente ao desemprego e a falta de renda da população em momento delicado de inflação.De acordo com Associação Brasileira da Indústria de Produtos para Animais de Estimação (Abinpet), o mercado pet já chegou à ser responsável por 0,38% do produto interno bruto (PIB). Com isso, ultrapassou até a linha branca de eletrodomésticos essenciais como geladeira e fogão.Ainda pela Abinpet, seus cálculos indicam que o mercado pets brasileiro é o terceiro maior do mundo. Nesse sentido, fica atrás apenas dos Estados Unidos …
Saiba mais
  • 0

Cachorro assustado: como manter o cachorro calmo em noite de fogos

Cachorros costumam ficar aterrorizados com barulho de queima de fogosAs festas de fim de ano se aproximam e com elas temos as famosas noites de queima de fogos, o que para muitos donos de cachorro, é a época do ano que eles mais se preocupam. Você pode imaginar a razão para tanta preocupação?O barulho e as luzes coloridas no céu causados pela queima de fogos podem afetar até mesmo os cães mais tranquilos, e às vezes mantê-los fora do alcance do barulho ou forçá-los a ficar dentro de casa presos pode ser uma tarefa árdua.Mas há coisas que podemos fazer para tranquilizar cachorros mais nervosos. Segundo o veterinário celebridade da TV americana Marc Abraham e a especialista em comportamento canino Carolyn Menteith existem pequenas ações que podemos fazer para aliviar esse stress e todo o trauma que noite de fogos de artifícios podem causar. Eles compartilharam algumas de suas dicas conosco.Marc recomendou construir uma espécie de “forte”, uma fortaleza canina …
Saiba mais
  • 0

5 Razões para dormir com cachorro na cama junto de você

Você costuma dormir com cachorro na cama com você? É, o mundo pode ser mesmo um lugar bastante solitário, especialmente de noite.Dormir com cachorro na própria cama sempre foi um assunto que dividiu opiniões. Enquanto alguns amam incondicionalmente seus cachorros e não ligam nem um pouco de dividir tudo com eles, até a cama. Outros possuem limites quanto onde e quando o cachorro pode transitar livremente pela casa.Fato é que em uma nação em que grande parte da população possui padrões terríveis de sono e até dificuldade para dormir. Talvez, introduzir um amigo peludo nessa rotina noturna equilibre o estado emocional da pessoa, permitindo que ela volte a dormir profundamente.Para quem for adepto ao conceito, aqui vão 7 razões para dormir com cachorro na cama com você que, definitivamente irão ajudar a pegar no sono:1. Dormir com cachorro fornece aconchego absoluto Já reparou bem no seu cachorro?! O corpo peludo, quentinho e macio dele é praticamente um urs…
Saiba mais
  • 0

Você sabia que os cachorros sabem o quanto são amados?

Sabe aquele olhar amoroso que o seu cãozinho te dá? Totalmente real, dizem especialistas.Não tem nada que todo dono de cachorro em qualquer lugar do mundo ame mais que mimar o seu animal com carinhos, guloseimas fora de hora e brinquedinhos. E ao que parece, de acordo com alguns especialistas e para a nossa felicidade, o cachorro sabe exatamente o quanto você o ama também.Dr. Brian Hare, professor cientista de antropologia evolucionária na Universidade de Duke na Carolina do Norte e autor de livros sobre a cognição canina, como o “Dog Guy”, disse em entrevista à publicação online americana People.com que os cães possuem emoções e sentimentos como nós, seres humanos.Os cachorros sabem o quanto nós os amamos e nos preocupamos com o bem estar deles, de acordo com o especialista.Em sua entrevista, Hare afirmou que os cachorros e humanos possuem uma relação muito especial, na qual o cachorro toma para si a via de ligação à oxitocina humana que normalmente é reservad…
Saiba mais
  • 0

Quanto custa um cachorro: muito além do preço de cachorro no mercado

A maior parte das pessoas que decide ter um cachorro pela primeira vez acaba por subestimar o custo real dele no seu dia-a-dia. O seu custo real, na verdade, vai muito além do preço de cachorro de mercado praticados por seus criadores no momento da compra do filhote (Ler Tabela de preço de cachorro). Quanto custa um cachorro vai muito além do que você pode imaginar.Quanto custa um cachorro: Qual seria o custo real de um cachorro? Especialistas dizem que é importante levar o cachorro para caminhar não só para se exercitar, mas também para se socializar. Você terá também que comprar ração canina, uma casinha de cachorro ou caminha de cachorro para ele dormir, uma coleira e guia para passeios.Tudo isto adicionado ao preço de cachorro estimado para o filhote deve cobrir, certo? Na realidade, NÃO.Segundo veterinários, a maioria das pessoas quando compra um cachorro subestima os custos reais que um cachorro pode vir à ter. Além da comida e cuidados veterinários regular…
Saiba mais
  • 0

Hotel para cachorro: como escolher a melhor hospedagem

Siga os conselhos de especialistas para garantir a melhor estadia para ele no hotel para cachorroPor mais que você queira ficar com o seu cachorro o tempo todo, há momentos em que vocês terão que se separar. Seja para viajar à negócios ou sair de férias, ele vai precisar de um hotel para cachorro confiável e seguro para se hospedar. E já que esse processo pode acarretar uma certa dose de ansiedade, especialistas aconselham procurar por um local adequado com certa antecedência.Pesquise, pergunte, investigue. Não é todo hotel para cachorro que será adequado ao estilo do seu cãoA opinião de especialistas Arielle Schechtman, é a porta-voz da PuppySpot.com, uma website americana que presta serviços de recolocação para cachorros. Eles ajudam criadores a encontrar lares para os seus filhotes em vários estados americanos. E assim, garantem que estes filhotes saudáveis encontrem lares com indivíduos que possam formar uma boa família. Schechtman aconselha fazer sempre uma pe…
Saiba mais
  • 1

Cachorro morto: como ajudar a criança superar a morte de um cachorro

Na maioria das vezes, quando um animal de estimação falece, esse é o primeiro contato que temos com a morte e a dor do luto. Para as crianças, lidar com a morte de cachorro é ainda mais difícil. Crianças não podem entender o conceito de morte até que passarem por isso. A simples ideia de ver seu cachorro morto pode ser um momento bastante traumático. Por esta razão, é muito importante saber como ajudar as crianças a superar a morte de um cachorro.Em pouco tempo, o convívio com o cachorro faz florescer um sentimento de amor enorme entre as pessoas que vivem com ele. Ou seja, o cachorro passa à ser muito mais que um animal – é um amigo e um companheiro. Se os adultos se apegam rapidamente, imagine como é para uma criança. Cachorros e crianças possuem uma relação muito especial.Por isso, quando um cachorro morre na família, é um momento muito triste e bastante estressante para uma criança. No entanto, quando o assunto é abordado de um jeito adequado, a morte de um cachorro…
Saiba mais
  • 1

Regras para viajar com cachorro: tudo o que você precisa para a viagem

Você pretende viajar com o seu cachorro? Mas você já sabe se pode viajar com cachorro no carro ou o que você precisa para viajar de avião com cachorro? Viajar na companhia do seu cachorro pode ser complicado se você não estiver bem preparado. Por isso, existem algumas regras para viajar com cachorro, assim como são necessários alguns itens básicos.Mas não se preocupe, aqui você vai saber tudo o que precisa saber para poder fazer uma boa viagem com o seu melhor amigo.Regras para viajar com cachorroQuando o final do ano se aproxima, férias ou feriado a gente pensa logo em ficar com a família, passar o tempo com os amigos, celebrar, relaxar e se divertir. Para ser ainda mais perfeito, o ideal é poder viajar. O problema é que nem sempre conseguimos achar um hotel para cachorro ou alguém que possa cuidar deles enquanto estamos fora. Deixar o cachorro sozinho em casa nem pensar!Mas viajar com o cachorro ou um filhote pode ser complicado, principalmente em feriados …
Saiba mais
  • 1

11 Fatos curiosos e hilários sobre cachorros

Cachorros são os melhores amigos do homem não há sombra de dúvida. Você pode até gostar de gatos ou pássaros, mas os cachorros estarão sempre em primeiro lugar em nossos corações. Pode apostar! Como um dos animais mais domesticados do planeta, podemos afirmar que sabemos tudo o que há para saber sobre estes animais. No entanto, isso não é exatamente uma verdade. Há milhares de fatos fascinantes, hilários e no mínimo curiosos sobre os cachorros que a maioria das pessoas não possuem a menor ideia. Mesmo que você tenha convivido com cachorros a sua vida inteira, temos certeza de que você ficará surpreso sobre alguns fatos que irá ler abaixo.11 fatos curiosos e hilários sobre cachorros que você nunca imaginou!1. Cachorros são tão inteligentes quanto crianças de 2 anos de idadeSe você já teve o leve pressentimento de que o seu cachorro é mais esperto do que parece, você provavelmente estava certo. Nós costumamos achar que os animais de estimação são criaturas de mentes …
Saiba mais
  • 0

O que os cachorros enxergam quando assistem TV

Você já alguma vez notou que os cães assistem à televisão, ficam olhando para as telas de computador e tablets? Mas você tem ideia do que pode estar passando pela cabeça deles? Através de um rastreamento de visão usando métodos similares já testados em humanos, pesquisadores descobriram que cães podem ter preferências sob certas imagens e vídeos.A pesquisa indicou que os cães têm preferência por assistir a outros cães – mas outros estudos também descobriram que muitas vezes o som inicialmente atrai o cão para a televisão e outros aparelhos. Sons prediletos incluem cães latindo e grunhindo, pessoas dando comandos amigáveis e elogios a outros cães, e barulhos de brinquedos de borracha.No entanto, os cães assistem TV de maneira bem diferente dos humanos. Ao invés de ficarem sentados parados, os cães costumam se aproximar da TV para olhar mais de perto, e se movimentam repetitivamente de um lado para o outro entre seu dono e a TV. Eles são telespectadores interativos e in…
Saiba mais
  • 1

Porque os cães fazem bem às pessoas

Wayne Pacelle é o presidente e chefe executivo da Humane Society dos Estados Unidos e costuma levar sua cadela Lily, uma mistura de Beagle, para trabalhar com ele em seu escritório em Washington, D.C. Para Pacelle, os animais são um ingrediente necessário para o seu bem-estar emocional. Ele conta que lida com questões muito estressantes e vê crueldades terríveis todos os dias, mas quando Lily deita a cabeça em seu colo, ele é capaz de ficar calmo na mesma hora.Pacelle não pode documentar de forma científica os efeitos positivos que ele consegue obter da sua conexão com Lily (ou Zoe, sua gata), mas a sua experiência comprova aquilo que pesquisadores que estudam interação human/animal já haviam concluído: animais de estimação, especialmente cães, são bons para a saúde mental e física do ser humano.De acordo com Brian Hare, professor associado de neurociência cognitiva na Universidade de Duke, cães fazem bem às pessoas e hoje podem ser vistos em courtrooms, salas de exames…
Saiba mais
  • 0

Cachorro Pitbull: Saiba toda a a verdade sobre a raça Pitbull

Novas evidências e muita pesquisa mostram que algumas raças de cachorro, antes consideradas agressivas, hoje passam por extraordinárias mudanças de temperamento e personalidade. Assim, sugerindo um olhar mais atento aos antigos estereótipos e preconceitos. É o caso do tão destemido cachorro Pitbull, que tem derrubado barreiras e conquistando o coração de muita gente.O cachorro Pitbull no passadoEm um passado nem tão distante, o jornal Irlandês Examiner chamou Rottweilers de “bombas-relógio de pernas”. A Côrte Suprema de Kansas, nos Estados Unidos sentenciou o cachorro Pitbull como “um perigo para a saúde pública.” Raças de cachorro como Buldogue inglês, Dogo Argentino e Bull Terrier já foram consideradas raças agressivas. Além disso, até apelidadas de “raças Bully” ou cães de briga.Tanto é verdade que, em alguns países raças como essas já foram banidas e até proibidas de se reproduzirem. Países como a Inglaterra e alguns estados nos Esatos Unidos, por exemplo, con…
Saiba mais
  • 9