Mordida de Cachorro: O que fazer e Como saber se o cachorro morde

O aumento considerável na quantidade de cachorros por famílias tem feito a alegria de milhões de pessoas. Mas nem sempre tudo sai como esperamos. Mordida de cachorro, o que fazer quando acontece, como evitar e como saber se o cachorro morde ou está prestes a morder, tem sido uma preocupação constante entre as pessoas.Há 15 meses atrás, desde o início do primeiro “lockdown” para conter a epidemia de Covid-19, a procura por animais de estimação dobrou e só vem aumentando, em todo o mundo.Estima-se que mais de três milhões de lares hoje possuem animais, e a maioria continua sendo cachorros, só no Reino Unido (para o Brasil não temos essa estatística ainda).Na Inglaterra, por exemplo, fabricantes de ração para cachorro estimaram um enorme aumento no número total de cachorros no País — cerca de 12 milhões atualmente, sendo que já eram mais de 10 milhões no início de 2020 — cujo aumento fez também o preços do filhote subir pelos ares.No entanto, criar um cachorro não …
Saiba mais
  • 0

Animais de estimação e fogos de artifício: Uma combinação explosiva!

A relação entre animais de estimação e fogos de artifício sempre foi complicada e uma questão difícil de ser resolvida.Medindo entre 150 e 175 decibéis, fogos de artifício são mais barulhentos que aeronaves levantando decolando (140 decibéis).Para quem não sabe, os decibéis medem o volume do som (altura), enquanto hertz mede a frequência do som.Os ouvidos humanos podem ser prejudicados por meros 85 decibéis, sendo que só podemos ouvir cerca de 20.000 hertz, enquanto os cachorros podem ouvir entre 45.000 e 65.000 hertz.Então, imagine o prejuízo físico e emocional que pode ocorrer no cachorro quando exposto ao barulho de fogos de artifício.Sem mencionar que quando assustados, eles costumam fugir. Resultando na perda do cachorro no meio da noite, com a possibilidade até de nunca poder recuperá-lo de volta.É comum o cachorro cavar debaixo de cercas, roer portão, quebrar porta e janelas por conta de fogos de artifícios contínuos.Isso resulta em mais cacho…
Saiba mais
  • 0

Comportamento animal e humano: Os cães podem ler nossas mentes?

Capazes de sentir ciúmes e pesar, bem como o amor e adoração que oferecemos por séculos, o cachorro é uma criatura como nenhuma outra igual para muita gente. Mas como explicar e o que podemos esperar desse comportamento animal?O cachorro tem sido o melhor amigo do homem e o mais antigo também. De acordo com arqueologistas no mundo todo, o lobo cinzento — o antigo ancestral dos cães — é datado de cerca de 30.000bc anos atrás.Outros especialistas mantêm a crença de que essa estimativa está equivocada, pois esse lobo foi encontrado na selva há cerca de 12.000 anos atrás.De qualquer forma, o cachorro foi a primeira criatura a ser domesticada, dando início à Era Antropocena, em que os humanos passaram a manipular a Natureza, ao invés de serem manipulados por ela.Vamos entender abaixo como tudo começou! Acompanhe! Entenda os primórdios do comportamento animalAs divergências sobre a época exata em que os cães foram domesticados é um indício do quanto sabemos po…
Saiba mais
  • 0

Habilidade canina: Filhotes são capazes de se comunicar desde o nascimento!

A habilidade canina dos filhotes em se comunicar com pessoas está presente desde o nascimento.Quem sabe um dia, será até possível predizer quais filhotes de cachorro seriam ideais para se tornar cães de serviço.Novo estudo conduzido pela Universidade do Arizona descobriu que os filhotes são programados para se comunicarem com as pessoas.Segundo os estudiosos da pesquisa, há um componente genético forte, que tem conduzido o filhote a agir assim desde o início.Leia mais sobre o assunto abaixo! Como se descobriu a habilidade caninaEssa ligação especial entre os cães e os seres humanos pode ser uma característica genética que evoluiu desde que os cães foram domesticados pelo homem, se diferenciando dos lobos.Tal afirmação foi constatada em novo estudo, publicado no periódico americano “Current Biology”ou Biologia Atual, que estudou as habilidades cognitivas e comportamentais de milhares de filhotes.Muitas pessoas têm se interessado pelas habilidades c…
Saiba mais
  • 0

Cachorro desobediente: 10 raças de cachorro difíceis de educar

Para quem gosta de cachorro, qualquer raça é adorável e tem o seu charme. No entanto, estaríamos mentindo ao dizer que todos se comportam bem ou que não existe um cachorro desobediente sequer.Na verdade, algumas raças de cachorro possuem mentes próprias, sendo que alguns são mais teimosos e independentes que outros, nem tão ávidos em agradar. É bom que eles sejam independentes, curiosos e tenham um espírito livre e aventureiro.O problema é que algumas dessas características os tornam um tanto mais difíceis de lidar, principalmente se você for um tutor inexperiente.Um estudo conduzido há poucos anos atrás (2018), nos Estados Unidos ("Prevailing Clusters of Canine Behavioural Traits in Historical US Demand for Dog Breeds"), avaliou quais as raças mais difíceis de treinar, baseando-se em uma variedade de fatores.Este é apenas um dos vários estudos que avaliaram a boa vontade de cada raça de cachorro em aprender e obedecer.Independente dos estudos, todos concord…
Saiba mais
  • 0

Pit Bull Mitos: 20 crenças que não devemos acreditar!

Hoje todo mundo sabe que os Pit Bulls, originalmente, foram criados para lutar entre si em ringues clandestinos de rinhas, além de outras coisas. Isso acabou rendendo ao animal uma reputação cruel de animal agressivo e perigoso, entre muitos outros Pit Bull mitos, que os acompanham até hoje.Mas os Pit Bulls atuais descendem do Cão de Caça Touro Inglês original — um cachorro que foi criado para lutar, morder e agarrar touros pela argola presa no focinho, ursos e outros animais maiores, como os Buldogues antigos.Mas quando, felizmente, essa prática foi proibida em meados dos anos 1800s, as pessoas começaram a colocar esses animais para lutar entre si, segundo a Sociedade Americana de Prevenção à Crueldade Animal (American Society for the Prevention of Cruelty to Animals - ASPCA).Foi nesse momento que os Pit Bulls ganharam destaque, embora tenha sido uma crueldade sem precedentes.Com isso, a raça ficou estigmatizada para sempre e, até hoje, algumas pessoas insistem…
Saiba mais
  • 0

Cachorro com ciúmes: 8 sinais indicadores e como lidar com o comportamento

Por acaso, você já notou algum comportamento suspeito de cachorro com ciúmes ou saberia identificar alguns sinais de que o seu animal estaria sentindo isso em relação à você?Pois saiba que é muito comum o animal ficar enciumado, seja em relação aos seus amigos, alguma visita ou até mesmo de seu companheiro.Os comportamentos podem variar desde hábitos de procura por atenção a comportamentos mais destrutivos.Isso é muito comum acontecer, sendo que muitas raças podem começar a apresentar esses sinais de ciúmes canino sempre que o tutor passa a dar mais atenção a uma nova pessoa em sua vida.Listamos abaixo 8 sinais indicadores de que o seu cachorro pode estar sentindo ciúmes de você, para ajudá-lo a identificá-los e saber como lidar com cada um deles.Vem com a gente! 1. Cachorro com ciúmes pode destruir objetosDesde mastigar os seus pertences a destruir os móveis da casa, os cachorros costumam se comportar de forma destrutiva para aliviar a ansiedade ou c…
Saiba mais
  • 0

Cachorro filhote e gato adulto: A introdução de ambos leva tempo

Cachorro filhote e gato adulto podem se conviver bem, mas para isso acontecer leva tempo.Levar um filhote de cachorro para casa é uma enorme satisfação, qualquer um ficaria empolgado. Afinal, não há alegria maior para um tutor observá-los a explorar o mundo, cheios de curiosidade e entusiasmo.Mas quando você introduz um cachorro filhote em um lar onde já existe um gato adulto, o processo de convivência pacífica pode ser um pouco mais complexo.Isso não significa que não pode ser feito, pelo contrário. Com algumas precauções e um plano de ação cuidadosamente traçado com antecedência, você vai conseguir que o seu novo filhote e o seu bichano, já residente, se tornem grandes amigos.Não é nada diferente do que introduzir um filhote de gato a uma cachorro adulto — porém, há algumas diferenças. Veja só! Conheça o seu gato!Alguns gatos adultos realmente gostam de estar ao redor de cachorros, por isso não se importarão muito com a presença do novo filhote.Mas …
Saiba mais
  • 0

Cachorro e gato juntos em casa: 25 Raças de cachorro que convivem bem com felinos

Cachorro e gato juntos em casa, coexistindo em paz, é perfeitamente possível, dependendo da raça escolhida.A introdução dos dois animais pode ser um enorme desafio, pois a maioria dos gatos preza pela tranquilidade do lar e preferem a solidão na maior parte do tempo.Os gatos são naturalmente independentes e sensíveis, além de muito mais suscetíveis ao estresse que os cachorros, que fazem questão da companhia do dono na convivência diária e para quase toda atividade.No entanto, algumas raças de cachorro são mais compatíveis aos gatos que outras, como os mais esportistas, acostumados ao bando e naturalmente mais amistosos e extrovertidos.Normalmente, essas raças gostam de fazer amizade com pessoas e outros animais, incluindo gatos. Além disso, muitas raças de cachorro podem viver tranquilamente ao redor de gatos, desde que socializados desde filhotes e treinados para deixar o felino em paz.Confira abaixo como adaptar o seu cachorro e gato a viver na mesma casa…
Saiba mais
  • 0

Cão e Gato: 10 Diferenças que você precisa saber!

Todo cão e gato possui suas diferenças com relação ao tamanho, alimentos que consomem, estilos de comunicação, armazenamento de memória, necessidades fisiológicas e físicas.Quer você esteja curioso para saber mais sobre os seus próprios animais de estimação, ou apenas querendo descobrir diferenças entre os dois animais, saiba que essa discussão já é bastante antiga.E se você estiver pensando em adquirir ambos, pela primeira vez, para conviver todos juntos em casa com você, esse post é fundamental.Enquanto alguns animais de estimação exóticos estão ficando cada vez mais populares, os cachorros e gatos ainda lideram no topo do ranking como favoritos da grande maioria.Observe abaixo algumas diferenças entre cão e gato, que todo tutor deve saber para se manter no controle em casa. Confira! Diferenças nas características físicas do cão e gatoObviamente, as características físicas entre o cão e gato são as mais fáceis de notar. Mas existem alguns detalhes que n…
Saiba mais
  • 0

Cachorro agressivo: 10 raças consideradas mais agressivas

Nenhum tutor deseja um cachorro agressivo, pelo menos não é o desejo de uma grande maioria. Em geral, os cachorros são considerados animais leais, obedientes, e sempre preparados para proteger seus donos.Mas isso não quer dizer que devam ser agressivos ou apresentar esse comportamento de forma corriqueira, no dia a dia. Tampouco devam ser encorajados a agir de maneira agressiva em qualquer situação.No entanto, embora algumas raças de cachorro sejam consideradas naturalmente mais agressivas que outras, esta é uma característica que pode ser controlada através de treinamento específico.Veja abaixo 10 raças de cachorro agressivo que devem receber o treinamento adequado, caso você venha a ter uma delas em casa.Confira! Cachorro agressivo nem sempre age agressivamenteAgressividade em cachorros é descrita como ações violentas em relação a outras pessoas ou animais. A mordida, obviamente, é um dos comportamentos caninos agressivos mais comuns.Alguns ataques …
Saiba mais
  • 0

Responsabilidade Pet para crianças: Como ensinar as crianças a serem responsáveis por seus animais

Se você tem criança em casa, há grandes chances deles pedirem por um animal de estimação. Embora eles possam ser uma excelente ideia e uma boa aquisição para a família, eles trazem grandes responsabilidades. Por isso, responsabilidade pet é um dever de todos em casa.Além da diversão e das brincadeiras, é importante considerar que o animal terá que ser alimentado, limpo, socializado e exercitado, para que se mantenha saudável.Apesar das crianças sempre dizerem que irão cooperar e ajudar no que for preciso, pode acreditar que após algumas semanas, principalmente no início, você será a pessoa que vai acabar responsável por todas essas tarefas.Portanto, aprenda de uma vez a ensinar às crianças a importância de saber cuidar de um cachorro ou qualquer outro animal de estimação, para que você não seja abandonado com essa responsabilidade pet para você.Veja abaixo! Responsabilidade Pet: Envolva-as na decisãoSe a sua criança tiver idade suficiente, pode ser uma ex…
Saiba mais
  • 0