Cachorro tremendo: Por que isso acontece? O que posso fazer?

Você já notou o seu cachorro tremendo, mesmo não estando frio? Embora seja também uma reação comum ao sentir frio, os cachorros se chacoalham, sacodem ou tremem ao brincar, se secar ou espreguiçar e para trabalhar a energia. Portando, uma boa tremida ou sacudida é natural.No entanto, nem todo tremor é um bom sinal. Existem muitas outras razões para os tremores no cachorro, podendo ser um sinal de algum problema, dor ou até sintoma de alguma doença grave.Seguem abaixo algumas razões para o seu cachorro estar tremendo, como você pode diferenciá-las e o que fazer na suspeita de uma suspeita médica para mantê-lo saudável.Continue nos acompanhando! Quando cachorro tremendo não é um problema?Se você tem um cachorro em casa, muito provavelmente já está familiarizado com as suas chacoalhadas para se secar. O seu corpo se contorcendo, com as bochechas e orelhas chacoalhando de um lado ao outro, em uma dança frenética pós-banho é um reflexo saudável deles para se secar…
Saiba mais
  • 0

Cachorro e Bebê – Como manter a boa convivência entre eles?

Digamos que você se encontra na situação de ter um cachorro e bebê a caminho, e não tem certeza do que deve fazer a respeito. Muitos casais ficam na dúvida sobre como o cachorro vai reagir à chegada de um novo bebê em casa.Embora isso seja muito comum e os receios normais, lidar com essa nova relação pode ser mais simples do que você imagina.Não se preocupe, você não vai ter que se desfazer do cachorro, nem vai precisar isolar o animal do resto da família. Isso seria crueldade demais com ele, e nem bom para nenhum de vocês.Na verdade, por mais complicado que pareça ser, a convivência do cachorro com o bebê pode ser muito boa para ambos e trazer muitas vantagens. No entanto, vocês terão que tomar alguns cuidados importantes e fazer alguns ajustes na rotina. Mas isso vocês já esperavam, não é mesmo?Veja como fazer com que cachorro e bebê convivam bem um com o outro e como fazer o seu animal lidar com esse processo da forma mais natural possível.Nos acompanhe a…
Saiba mais
  • 0

Adolescência canina – É possível o cachorro ter comportamento adolescente?

Estudo recente revelou que cães pubescentes com oito meses de idade são ainda menos obedientes que os filhotes de 5 meses de idade. Nos testes conduzidos, esses “adolescentes” se mostraram mais obedientes a estranhos que para com seus próprios donos. Isso mostra que a adolescência canina pode ter mais semelhanças com a humana que imaginamos.Um fator preocupante é o fato de que cães neste período de vida costumam ser abandonados nas ruas ou deixados em abrigos para adoção, justamente por conta dessa falta de obediência. Por isso, é importante que os tutores tenham consciência de que é só uma fase do cachorro, e que vai passar.Vamos entender porque isso acontece? Continue nos acompanhando no artigo abaixo que explicaremos tudo o que há para saber sobre adolescência canina.Confira! O que dizem as pesquisas sobre adolescência caninaDe acordo com recentes estudos por pesquisadores britânicos, os cachorros se tornam menos obedientes aos comandos de seus tutores dur…
Saiba mais
  • 0

Cachorro em Casamentos – Maneiras criativas de incluir o animal no evento!

Os animais de estimação são como amados membros da família para os seus tutores. Por isso, está cada vez mais comum presenciar a participação do cachorro em casamentos, por exemplo, seja através do pedido de noivado ou da sua presença durante a cerimônia e/ou recepção.A ideia é fazer com que esses animais façam parte de todos os momentos especiais da vida do casal, já que fazem parte da família. Nem que para isso eles tenham que desempenhar papéis importantes ou cupmprir missões pra lá de especiais.Os pedidos de casamento, por exemplo, estão ficando cada vez mais criativos e nada mais romântico que incluir o cachorrinho para dar aquela incrementada ou “empurrãozinho” para amolecer o coração da noiva e garantir o tão esperado “sim, eu aceito”.Já no caso das cerimônias e recepções de casamento, não basta apenas colocar o cachorro na lista de convidados. Será preciso planejar tudo com cuidado para que a sua presença não estrague os planos do dia perfeito ou crie proble…
Saiba mais
  • 0

Raça de cachorro mais inteligente, você sabe quais são elas?

Antes que alguém fique desapontado ou aborrecido por não ter o seu animal listado aqui como uma raça de cachorro mais inteligente, saiba que medir a inteligência não é tão simples assim como se imagina.Para provar, até Stanley Coren, Ph.D., escritor, professor doutor em psicologia e pesquisador neuropsicólogo, famoso no mundo das pesquisas sobre cachorro, diz em seu livro — “A Inteligência dos Cães” - que medir a inteligência de um cão é tão difícil quanto pastorear gatos.Isso porque existem diferentes tipos de inteligência. Isto é, um cachorro pode ser esperto em relação à tarefas de pastoreio, mas nem tão habilidoso na caça, como descreve a inteligência instintiva.Mas há também a inteligência adaptativa, que é uma espécie de habilidade canina em aprender baseando-se em estímulos ambientais — que também depende de treinamento, do cachorro em individual, e da sua ligação com os humanos.Para resumir, podemos ter vários argumentos. Mas vamos apenas concordar em di…
Saiba mais
  • 0

7 Raças de Cachorros Mais Teimosas e Difíceis de Treinar

Treinar um filhote de cachorro requer muito esforço e exige muita paciência dos tutores. Enquanto na maioria das vezes não chega a ser uma tarefa difícil, especialmente se o seu animal pertencer a uma das raças de cachorros mais ávidas para agradar.No entanto, se este não for o seu caso e, muito pelo contrário, o filhote for uma das raças mais teimosas, que costumam testar os limites da sua paciência durante o treinamento, saiba que ainda assim é possível vencê-lo.Raças de cachorros mais teimosos e difíceis de treinar não significa que são menos capazes de aprender ou não possuem inteligência suficiente. Na verdade, é justamente o contrário. Estas raças são extremamente inteligentes.O problema é que cachorros como estes são muito independentes, e alguns possuem foco de atenção curto. Porém, com os estímulos certos e a ajuda de treinadores experientes, essas raças de cachorros teimosas podem aprender a se comportar bem e até novos truques.Veja abaixo as 7 raças d…
Saiba mais
  • 0

Escritório petfriendly: Cachorro no trabalho é nova tendência das startups

Quem trabalha em escritório sabe quanto o dia a dia pode ser cansativo e desgastante. A pressão no trabalho pode ser, sem dúvida, muito estressante para grande parte da população. No entanto, uma nova tendência promete melhorar o ambiente profissional: "escritório petfriendly".Trata-se de uma tendência que está sendo adotada por muitas empresas, ou seja, um local no qual os animais são bem vindos!O convívio com animais no ambiente de trabalho pode, de fato, trazer muitos benefícios aos funcionários. Veja quais são eles abaixo! Escritório Pet Friendly - quais são as vantagens?Que animais de estimação  promovem inúmeros benefícios aos humanos não é uma novidade. No entanto, a novidade é que essa informação está ganhando cada vez mais importância e espaço. Veja alguns bons motivos para transformar o ambiente de trabalho em um escritório pet friendly. Melhora do humor no escritório A presença de animais de estimação melhora o humor das pessoas. Estudos mostraram qu…
Saiba mais
  • 0

Depressão canina: como detectar e ajudar no tratamento

Infelizmente, a depressão atinge também os pets. A depressão canina está cada vez mais frequente.A doença pode aparecer por diversos motivos. No caso dos cães, pode ser provocada por uma mudança de casa, país, família, perda de um ente querido ou até mesmo chegada de um novo membro na família. Além disso, a depressão pode ser um sintoma secundário a alguma outra doença no animal.Entenda o que é depressão, como reconhece-la e como ajudar seu cachorro da melhor forma possível. Depressão Canina A depressão em pessoas é considerada, pela Organização Mundial da Saúde (OMS), como o "Mal do Século". No sentido patológico, há presença de tristeza, pessimismo, baixa auto-estima, que aparecem com freqüência e podem combinar-se entre si. A doença provoca ainda ausência de prazer em coisas que antes faziam bem e grande oscilação de humor e pensamentos, que podem culminar em comportamentos e atos suicidas.Ninguém sabe ao certo se o mecanismo da depressão canina é igual ao meca…
Saiba mais
  • 0

Cachorro latindo muito – dicas para amenizar o problema.

Quase todos devem concordar com uma afirmação: o som do cachorro latindo muito incomoda. Quando é do vizinho, adoramos reclamar. Mas, e quando o cachorro é nosso?Além de incomodar muito, da dor de cabeça e ainda causa constrangimento pois sabemos que estamos incomodando a vizinhança.No entanto, antes de tentar corrigir o que para nós é um incomodo, é importante saber o motivo do latido excessivo. Além disso, é bom saber também que há raças que são mais propensas a esse tipo de comportamento que outras. Cachorro latindo muito - conheça os principais motivos. O latido é a forma do cachorro se comunicar. É natural que os cachorros latam em algum momento do dia, e ninguém pode esperar que não o façam. Todavia, os latidos insistentes podem se tornar um problema e ter muitos motivos.Segundo a adestradora da equipe Cão Cidadão, Sophia Kessar, alguns cães apresentam esse comportamento para chamar a atenção de seus tutores. Outra causa comum é a ansiedade de separação.…
Saiba mais
  • 0

O que é pet friendly e como adotar esta política nos negócios

'Pet Friendly' significa ao pé da letra 'amigáveis com animais'. Um selo com estas duas palavrinhas hoje em dia está, sem dúvida, cada vez mais comum em estabelecimentos. De fato, em 2012, o Brasil ganhou um novo selo que certifica hotéis e pousadas com serviços para animais de estimação que viajam com seus tutores.A certificação foi criada no fim de 2012 pelo Portal Turismo 4 Patas, que desenvolve conteúdo especializado em viagens com animais de estimação. Segundo Larissa Rios, idealizadora do projeto, esse tipo de avaliação foca nos serviços voltados para os animais de estimação. Estabelecimentos 'Pet Friendly' Para muitos tutores de pets, sair de casa é, sem dúvida, um dilema. Principalmente quem tem cães, sofre muito ao deixar o bichinho sozinho em casa para se encontrar com amigos em algum lugar. Mas isso está mudando cada vez mais.Segundo a Abinpet (Associação Brasileira da Indústria de Produtos para Animais de Estimação) o mercado de pets não para de crescer no…
Saiba mais
  • 0

Animais fantásticos que fazem sucesso nas redes sociais

Não há dúvidas de que uma grande parte da população adora parar para assistir vídeos de animais fantásticos nas redes sociais. De fato, existem contas no Facebook e Instagram dedicadas a cães, gatos e outros animais que se tornaram verdadeiros 'digital influencers'.São animais fofos ou com particularidades físicas e talentos que nos conquistam, nos fazem rir e tem muito a ensinar. O que não dava para imaginar, é que alguns deles são, surpreendentemente, vítimas de abandono! É isso mesmo. Muitos foram, de fato, achados nas ruas por seus atuais tutores. Por isso, vale a pena conhecer as histórias de vida de cada um deles. Conheça 15 animais fantásticos que conquistaram as redes sociais. Hoje em dia, há centenas de animais fantásticos que conquistaram milhares de seguidores na Internet. Nesse artigo, selecionamos apenas 15 deles, já que são os animais que mais se destacam. Vamos conhece-los. 1. DOUG, THE PUGPrimeiramente, começaremos por Doug, um cão da raça pug, que …
Saiba mais
  • 0

Coleira Calmante Antiestresse – Como Funciona e Onde Achar?

É, sem dúvida, muito comum, hoje em dia, encontrar tutores que querem fornecer algum tipo de calmante para cachorro. Por isso, empresas brasileiras e internacionais, estão investindo em alternativas criativas para proporcionar maior tranquilidade aos cães estressados. Uma dessas recentes invenções é a coleira calmante antiestresse.Os principais motivos para a procura deste tipo de medicamento são a percepção do aumento da ansiedade, medo, agitação, latidos excessivos, automutilação, hiperatividade.Veja mais sobre o assunto em Calmante para cachorro.Ansiedade em cachorrosA ansiedade em cachorros é algo que hoje em dia se tornou, certamente, muito comum. A ansiedade canina pode ser causada por inúmeros fatores, como por exemplo:Traumas, Medos e Fobias; Solidão; Transtornos de separação; Tédio; Falta de exercícios físicos; Sensações desagradáveis como frio, fome, sede.O distúrbio compromete o bem estar do cachorro, afeta os hormônios, ne…
Saiba mais
  • 0