Início Cachorros Pinschers Schnauzers Molossóides e Montanheses Schnauzer Padrão

Schnauzer Padrão

Avaliado como 3.00 de 5, com baseado em 1 avaliação de cliente
Escreva a sua Avaliação
Conteúdo em Audio:

Origem: Alemanha
Data de origem:
Grupo de Raças: FCI Grupo 02 – Cães do tipo Pinscher e Schnauzer, Molossóides e Cães de Montanha, Boieiros Suíços / AKC Terrier, Trabalhadores
Função original: caça, guarda.
Função atual: cão de companhia
Outros nomes ou apelidos: Tamanho: porte médio
Altura: Fêmeas de 43cm a 48cm / Machos de 46cm a 51cm.
Peso: Fêmeas de 14kg a 18kg / Machos de 14kg a 20kg.
Cores: preto, preto e branco (sal e pimenta), cinzento.
Pêlos:
Manutenção:
Expectativa de vida: cerca de 15 anos ou mais.
Filhotes: cerca de xx a xx filhotes, padrão de xx filhotes de xxxxxxxxx por cria.
Reconhecimento (Canil): ACA / ACR / AKC / ANKC / APRI / CKC / CKC / DRA / FCI / KCGB / NAPR / NKC / NZKC / UKC.

Introdução à raça Schnauzer Padrão

schnauzer-padrao-intro
Trio de Schnauzers filhotes de pelagem preta juntos no gramado do jardim. (Créditos/Copyright: “Por Grigorita Ko/Shutterstock”)

O Schnauzer Padrão é uma raça canina originada na Alemanha nos séculos XV e XVI e foi muito popular por toda a Europa. Embora ele seja considerado um cachorro do tipo terrier, eles não possuem o temperamento típico da raça. Classificados pela AKC como trabalhadores e na FCI ocupam a categoria de mesmo nome junto aos do tipo Pinscher, Molossóides, Cães de Montanha e Boieiros Suíços, o Schnauzer padrão é uma raça versátil, robusta de porte médio e aristocrática.

Seu nome deriva da palavra em alemão “Schnauze” que em tradução literal significa “focinho” e em linguagem coloquial “bigode”, devido ao seu focinho barbado característico da raça — sua marca registrada — sobrancelhas arqueadas e barba e bigodes eriçados.

Schnauzers padrão eram originalmente reproduzidos para caçar ratos, pastorear e proteger o gado, e até cuidar de crianças e mantê-las seguras, um verdadeiro “pau para toda obra” nas fazendas alemãs. Schnauzers padrão são famosos por exibirem muitas das características “ideais” de toda raça canina — inteligência alta, versatilidade, agilidade, natureza alerta e protetora, confiabilidade, força, resistência e amor pela família — tudo para fazer dele uma excelente raça de cão de companhia.

Schnauzers não só são super inteligentes e excelentes companhias, mas também de aparência muito graciosa e elegante. Renomados pelas suas habilidades de guarda e devoção à sua família, eles são muitas vezes descritos como um “cachorro com cérebro humano”. Ele é tão apreciado que foi reproduzido para desenvolver mais duas outras raças idênticas à ele — o Schnauzer Miniatura e o Schnauzer Gigante —, cada um com a sua função específica.

Schnauzers possuem uma personalidade forte, e podem ser teimosos e cabeça-duras. Eles são capazes de determinar suas fraquezas e irão tentar tirar vantagem disso sempre que puderem. Se você não tomar cuidado, eles irão tomar conta de tudo na casa; o Schnauzer é uma dessas raças que precisa de uma liderança consistente e firme o tempo inteiro. Eles são levados, mas aprendem rápido e gostam de agradar.

Por causa dos seus instintos naturais de guarda, o Schnauzer precisa de socialização desde o início e frequentemente para que ele possa distinguir entre ameaças reais e situações normais. Tente comprar um filhote de um criador que os crie em casa e que garanta que eles são expostos a diferentes lugares e sons, assim como pessoas, antes que eles sejam levados para seus novos lares. Continue socializando o seu Schnauzer durante toda a sua vida, assim que chegar em casa. Quando socializados com crianças, são capazes de ser afetuosos e excelentes companhias.

Mesmo assim, apesar de socializado ele é capaz de receber bem seus amigos e visitantes, porém costuma ser mais reservado com estranhos, muitas vezes agindo de maneira desconfiada e protetora. Esse comportamento e personalidade, somado à sua herança trabalhadora, fazem com que eles sejam ótimos cães de guarda, podendo até ser agressivos com outros cães fora do seu convívio e outros animais menores. Schnauzers também são territoriais, latem rapidamente em reação a qualquer barulho. E ainda possuem um latido forte que mais parece estar vindo de um cachorro maior ainda.

É necessário dar à ele muitos estímulos físicos e mentais todos os dias, ou ele ficará entediado e irá procurar algo pra fazer — o que nem sempre será uma boa ideia. Leve-o para da umas voltas de 20-minutos em passos rápidos ou uma longa caminhada de 1hr.

Práticas de treino diários contam como “trabalho” para o Schnauzer, assim como vigiar a casa, saudar amigos, ir buscar o correio com você, ajudar nas tarefas da casa… O Schnauzer é também ágil e atlético, um verdadeiro “ás” dos esportes caninos, incluindo agility, pastoreio, obediência, rally e tracking, e ainda são excelentes cães de terapia. Ótimos caçadores que são, já foram usados como “retrievers” tanto na terra como na água, e são excelentes pastores de ovelhas e gado, uma das suas funções originais nas fazendas alemãs.

Seus sentidos altamente desenvolvidos, como inteligência, treinabilidade, coragem, energia e resistência a condições adversas também já lhe deram lugar cativo em um campo que ninguém podia esperar — busca e salvamento. Muitos Schnauzers já provaram sua excelência neste tipo de trabalho, e o seu tamanho permite que eles procurem em áreas que os cães maiores não podem alcançar.

Por outro lado, o Schnauzers podem ser um tanto trabalhosos para manter. A sua barba característica fica pingando água depois que ele bebe e precisa ser limpa após as refeições. Seus pelos precisam ser escovados algumas vezes por semana para evitar embaraços e necessita de tosa profissional para manter a sua aparência distinta. Ele também não gosta de ficar confinado e sozinho no jardim ou canil, ele precisa estar na companhia de seus donos e ter acesso ao lado de fora.

Hoje, o Schnauzer padrão é altamente reverenciado como cão de guarda e companhia, embora sejam uma raça bastante rara e bem difícil de ser obtida.

Origem da raça Schnauzer Padrão

cao-schnauzer-padrao-origem
Dupla de Schanuzers padrão, um branco e outro sal e pimenta, com suas sobrancelhas características. (Créditos/Copyright: “Por Maximilian100/Shutterstock”)

O Schnauzer Padrão originou-se na Alemanha, sendo a mais antiga das três raças Schnauzer, dando origem às outras duas — Miniatura e Gigante. Evidências da raça existem desde o século XIV; e desde essa época, o Schnauzer era um apreciado animal de estimação e companheiro de caça. A raça é uma mistura fortuita de terrier, cães trabalhadores e de caça, provavelmente derivados de cruzamentos entre Pinschers de pêlo duro com Poodles alemães e Lobos cinzas Spitz. O resultado foi um cachorro durão capaz de caçar ratos que também servia como cão de guarda.

Os primórdios da raça Schnauzer

O Schnauzer Padrão tem uma longa história pela sua terra natal. Já foi retratado em pinturas famosas de pintores Renascentistas como Rembrandt e Albrecht Durer, assim como em tapeçarias criadas em 1501 por Lucas Cranach the Elder, o que torna evidente que cães como estes existiram por muitos séculos.

Criadores alemães se interessaram em padronizar a raça por meados de 1800s. Naquela época, os Schnauzers eram ainda cruzados com Wolfspitz e Poodles alemães pretos para produzir a textura e cor característica da pelagem da raça. Nesses primeiros anos e até o final de 1800, os Schnauzers padrão eram chamados de Pinschers de pêlos duros.

Eles foram exibidos pela primeira vez no Terceiro Show Internacional Alemão em Hanover em 1879, e o ganhador do primeiro prêmio foi um cachorro chamado Schnauzer. Um padrão de raça foi escrito em 1880 e a primeira exposição de especialidade ocorreu em Stuttgart em 1890. Por volta de 1900, a raça foi começando a ficar conhecida por Schnauzer, primeiro em referência ao focinho característico da raça (“schnauze” é focinho ou bigode em alemão), que apresenta uma barbicha e bigode, e também em referência ao nome do ganhador do primeiro prêmio. O Clube Bavarian Schnauzer foi formado em Munique em 1907. Por volta do mesmo período, Schnauzers padrão eram cruzados com outras raças para desenvolver duas outras versões suas idênticas, mas de tamanhos diferentes — o Schnauzer Miniatura primeiro, e mais tarde o Schnauzer Gigante.

A raça Schnauzer durante o século XX

Durante a virada do século XX, ambas as variações de Pinscher Alemão e o Schnauzer nasciam em uma mesma ninhada, podendo ser classificados como de pêlos curtos (Pinscher Alemão) ou de pêlos longos-duros (Schnauzers), dependendo apenas do comprimento da pelagem. Assim, o Clube Pinscher Schnauzer Alemão passou a exigir certificados de três gerações de Schnauzers de pêlos duros puros para registro. Isto rapidamente ajudou a estabelecer o tipo de raça e a diferenciá-la do Pinscher Alemão, passando a ser definitivamente chamada de Schnauzer padrão. Já no início do século XX, Schnauzers padrão eram os cachorros mais populares para vigiar as bancas de fazendeiros nos mercados enquanto estavam fora em algum outro local.

Schnauzers pelo mundo até hoje

Embora os primeiros Schnauzers tivessem vindo para os Estados Unidos nesta mesma época trazidos por imigrantes ou viajantes, eles não conquistaram os americanos logo de cara. A raça inicialmente foi classificada como terrier, mas mais tarde reclassificada como cão trabalhador. A sua natureza alerta e inteligente lhe rendeu o papel de mensageiro e ajudante durante a Primeira Guerra Mundial, sendo que tanto o padrão como o gigante também ajudaram na polícia. Só depois da Segunda Guerra Mundial que o Schnauzer ganhou mais a atenção do público; e mesmo assim nunca atingiu a mesma popularidade que os outros Schnauzers.

Clube Schnauzer da América foi formado em 1925. Em 1933, o clube se dividiu formando o Clube Schnauzer Padrão da America (SSCA) e o Clube Schnauzer Miniatura Americano. Alguns dos talentos do atual Schnauzer Alemão incluem: caça, tracking, retrieving, vigia, guarda, trabalho militar, agility, obediência competitiva e desempenhar truques.

Aparência do Schnauzer Padrão

cao-schnauzer-padrao-aparencia
Schnauzer de aparência curiosa e intrigante, um tanto cômica. (Créditos/Copyright: “Por Christopher S. Howeth/Shutterstock”)

O Schnauzer é um cachorro de aparência única. Seu porte médio, de construção quadrangular faz dele um cão muito versátil, que mais parece uma versão menor do Schnauzer Gigante. O seu crânio é moderadamente largo com uma parada leve. A cabeça retangular é longa e leva a um focinho quadrado coberto por uma longa barbicha. O nariz e os lábios são pretos. Os dentes se fecham em mordida de tesoura. Sobrancelhas espessas caem sobre seus olhos ovais e marrom escuros. As orelhas são altas e podem ser cortadas ou deixadas ao natural — quando cortadas elas ficam retas com uma ponta pontiaguda, quando deixadas ao natural possuem formato de V, dobradas sobre a cabeça.

As costas é reta, com a linha superior inclinada ligeiramente para baixo da cernelha até o traseiro. Seu peitoral largo desce até patas longas, as da frente retas, diferentes das traseiras. Como as orelhas, a cauda também pode ser natural ou amputada.

Nota: amputar a cauda e cortar as orelhas é ilegal na maior parte da Europa. As patas são pequenas e as unhas pretas.

A sua pelagem dupla possui uma camada externa densa, descabelada, dura com uma camada interna macia. Os pêlos são mais longos sobre os olhos e o focinho para formar as sobrancelhas espessas e a barbicha. Os pêlos nas costas é lustroso e macio. Ao passo que, os pêlos nas patas, debaixo da barriga e na face escorrem como plumas pelo corpo. As pessoas tendem a manter os pêlos nas orelhas, cabeça, pescoço, peito, estômago e debaixo da cauda bem cortados. Os pêlos sobre os olhos e focinho são deixados mais longos para formar as sobrancelhas e barbicha. Os pêlos nas patas são mais longos que do resto do corpo.

Schnauzers Padrão podem ser da cor preta ou sal e pimenta, uma combinação de pêlos pretos e brancos, e pêlos brancos com faixas de pêlos pretos, variando entre cinza chumbo a cinza prata. Schnauzers sal e pimenta devem ter uma camada interna de pêlos cinza, mas castanho ou bege é aceitável. É também preferível que a máscara facial de pêlos seja mais escura e complemente a cor da pelagem. Às vezes, a coloração sal e pimenta se dissolve em cinza claro ou branco platinado nas sobrancelhas, bigodes, bochechas, debaixo da garganta, no peito, debaixo da cauda e nas patas e barriga. Schnauzers pretos possuem uma cor sólida que não se mistura ou descolore, com a camada interna também preta.

Ambiente Ideal para o Schnauzer Padrão

cao-schnauzer-padrao-ambiente-ideal
Schnauzer de pêlos pretos na entrada de sua casa esperando pela chegada de seu dono. (Créditos/Copyright: “Por Sapfira/Shutterstock”)

O Schnauzer Padrão é uma cachorro bem adaptável que pode viver confortavelmente tanto na cidade como no campo, em casa ou apartamento, desde que faça exercícios suficientes todos os dias, mas ele é mais adequado para um lar que tenha pelo menos um pequeno jardim, e que seja cercado por uma cerca sólida e alta, pois ele é conhecido por pular bem alto. Também não dependa de cercas elétricas para mantê-lo confinado. O choque não é capaz de detê-lo se ele quiser mesmo sair. O jardim também não é assim tão necessário para o Schnauzer Padrão, mas eles adoram correr livremente. Eles precisam de donos que os levem para todos os lugares. Uma coisa é certa, não importa onde ele viva, o importante que seja junto da sua família. Ele pode viver do lado de fora em climas temperados, mas seria melhor poder dividir o seu tempo entre a casa e o jardim, nunca preso do lado de fora.

Temperamento & Personalidade do Schnauzer Padrão

cao-schnauzer-padrao-temperamento
Dupla de Schnauzers brincando no gramado juntos e interagindo. (Créditos/Copyright: “Por Elena11/Shutterstock”)

O temperamento de qualquer cão é afetado por inúmeros fatores, incluindo hereditariedade, treinamento e socialização. Como todo cão, o Schnauzer Padrão precisa de socialização desde filhote — o exponha à diferentes pessoas, locais, sons, cenas e experiências. A socialização ajuda a garantir que o seu Schnauzer cresça saudável tornando-se um cão bastante sociável.

A vida nunca será um tédio com um Schnauzer padrão, graças a sua personalidade sociável e cômica. O Schnauzer Padrão possui uma inteligência acima do padrão e uma enorme capacidade de aprendizado, por isso é muitas vezes chamado de “cachorro com cérebro humano”. É curioso, criativo e até teimoso na maneira de pensar. Possui muito do temperamento terrier, mesmo não sendo um propriamente. Por esta razão, é necessário que seu dono seja uma pessoa igualmente inteligente e criativa para estar sempre um passo à sua frente e poder treiná-lo com firmeza e consistência.

Ele é entusiasmado, corajoso, afetuoso, brincalhão, muito leal e protetor com relação à sua família, e ainda possui forte instinto de guardião. Como são bem territoriais, a maioria irá proteger o lar e alertá-lo sobre a presença de visitantes indesejáveis com um latido forte e profundo. Mas uma vez que estas pessoas são inseridas ao convívio do lar ou devidamente apresentadas à ele, ele as aceita muito bem, afinal ele adora ser o centro das atenções.

Em geral, Schnauzers são tipicamente bons com crianças, ficaram até conhecidos na Alemanha pelo apelido de “cão-babá”. Eles são capazes de ser dar bem com elas, cachorros e outros animais, mas um tanto desconfiados com aqueles que não conhecem, sejam pessoas ou animais. Se treinados adequadamente e socializados desde cedo com diferentes idades e temperamentos de pessoas, eles são capazes de ser pacientes e tolerantes em qualquer situação.

Como outros cães trabalhadores, os Schnauzers Padrão precisam muito de um dono de personalidade firme e forte capaz de ser consistente em impor limites e regras para que ele siga os comandos e saiba o que pode ou não fazer. Se o dono não apresentar um comportamento confiante diante do cão, ele pode se tornar um tanto teimoso, exigente e começar a agir sem medo e respeito pelo seu dono. Ele pode até não ser mais confiável na companhia de crianças. Pode começar a guardar objetos, lugares e pessoas de outras pessoas.

Sem uma liderança adequada em que as regras e limites estejam bem claros, Schnauzers podem rapidamente de tornarem autoritários, simplesmente porque a maior parte das pessoas costumam tratá-los de forma inadequada, sem que haja uma liderança firme e clara, causando assim alguns comportamentos negativos no cachorro. Até as crianças devem aprender a lidar com o cachorro e serem seus líderes.

Qualquer cachorro que apresente comportamentos como rosnar, surtar ou morder, está demonstrando que falta liderança. Estes problemas costumam surgir quando a pessoa não consegue distinguir um comportamento natural canino e confunde com emoções humanas, acabando com um cão que pensa que é o dono da casa. Mesmo sendo uma raça de porte pequeno, a pessoa PRECISA entender e seguir à risca o conceito de como manter um cachorro na linha em casa. Estes problemas podem ser corrigidos logo que os humanos passarem a ter controle sobre o cachorro.

Schnauzers equilibrados que possuem donos que não permitem que eles desenvolvam Síndrome do Cachorro Pequeno, comportamentos induzidos por humanos em que o cão acredita ser o líder deles, não irão apresentar estes comportamentos negativos. Schnauzers que possuem líderes firmes, confiantes e consistentes e que recebem estímulos mentais e físicos suficientes serão sempre excelentes companhias para a família.

Além de ser o líder do bando dessa raça, socializá-lo e treiná-lo bem, ele precisa ser levado para caminhadas para aliviar a sua energia mental e física. Estes cães energéticos precisam de donos ativos e dominantes, que possuem a habilidade de demonstrar quem é que manda e que esteja sempre disposto a mantê-lo exercitado. Como todo cão trabalhador, o Schnauzer também tem a tendência a ser levado até os dois anos de idade; e os exercícios os mantém ocupados. Seu dono precisa estar preparado para estimulá-lo fisicamente e mentalmente todos os dias, mesmo até depois de uma idade avançada, pois como todas as outras raças de grande inteligência, um Schnauzer entediado é um Schnauzer destruidor. O Schnauzer não é recomendado para donos novatos ou sedentários.

Quando filhote, o Schnauzer está sempre explorando, aprendendo e testando seus limites. Já adultos, eles estão sempre prontos para uma caminhada, passear de carro, sessão de treinamento ou qualquer outra atividade que permita estar na companhia do seu dono. Ele é uma raça que sabe estar sempre alerta, mesmo quando relaxado aos pés do seu dono.

O Schnauzer Padrão perfeito não nasce perfeito, ele é produto da sua hereditariedade e criação. Seja lá o que você deseja dele, procure por um que tenha tido pais com boa personalidade e que tenham sido socializados desde filhotes. Qualquer cão pode desenvolver níveis desagradáveis de latidos, cavações e outros comportamentos inadequados se estiver entediado, destreinado ou não supervisionado.

Compre um filhote que tenha sido criado em casa e tenha certeza de que ele foi exposto a diferentes locais e sons, assim como pessoas antes de ir para outro lar. Continue socializando-o sempre levando a casa de amigos e vizinhos, assim como a passeios públicos. Antes de comprar um filhote, procure saber como escolher o filhote ideal e não deixe de conversar com o seu criador, descreva exatamente o que você procura em um cãozinho, e peça ajuda para escolher um filhote. Os criadores costumam conviver com filhotes todos os dias e podem dar excelentes recomendações uma vez que saibam um pouco sobre o seus estilo de vida e personalidade.

Os filhotes que possuem bons temperamentos costumam ser curiosos e brincalhões, costumam se aproximar das pessoas e gostam de ser carregados por elas. Escolha sempre o filhote que seja um meio-termo, não aquele que estiver mordendo ou judiando dos outros filhotes, nem aquele que estiver timidamente acuado em um cantinho. Tente sempre conhecer um de seus pais — normalmente é a mãe que fica disponível — para garantir que que ele tenha um temperamento que te faça sentir-se confortável com ele. Conhecer irmãos ou outros parentes também ajuda a avaliar como o filhote será na idade adulta.

Cuidados e Manutenção do Schnauzer Padrão

cao-schnauzer-padrao-manutencao
Schnauzer cuidando da sua aparência para manter a tosa em dia. (Créditos/Copyright: “Por Frank11/Shutterstock”)

Comece a acostumar o seu Schnauzer Padrão à ser escovado e examinado desde filhote. Mecha em suas patas com frequência — os cães costumam ser sensíveis com relação às suas patas — e olhe dentro de sua boca e orelhas. Torne essa manutenção uma experiência positiva cheia de elogios e recompensas, e assim você irá construir a base para exames veterinários e idas ao petshop mais fáceis de se lidar. Uma introdução cedo mostra para o independente Schnauzer Padrão que manutenção é um hábito normal da sua vida, e o ensina a aceitar com paciência todo o processo.

Ao checá-lo, procure por machucados, arranhões, feridas ou sinais de infecção como vermelhidão, inchaço, ou inflamação na pele, nas orelhas, nariz, boca, olhos e patas. Este rápido exame pode levar a diagnósticos mais cedo e evitar maiores problemas de saúde. Escove os seus dentes 2 ou 3 vezes na semana para remover tártaro e bactéria que proliferam dentro da boca – diariamente é ainda melhor para prevenir gengivite e mau hálito e ainda evitar o caimento precoce dos dentes.

Corte suas unhas uma ou duas vezes ao mês se não forem gastas naturalmente para evitar lágrimas dolorosas e outros problemas. Se você pode ouvir suas unhas batendo no chão, elas estão longas demais. Unhas caninas possuem artérias, se você cortá-las demais causará sangramento — e o seu cão pode não querer cooperar nas próximas vezes. Por isso, se você não tiver experiência ou não se sentir confiante para a tarefa, procure ajuda profissional. Cheque também suas orelhas uma vez por semana por sujeira, vermelhidão ou mau cheiro que possam indicar infecções. Limpe-as semanalmente usando loção de de PH equilibrado para evitar maiores problemas.

Schnauzers Padrão exige muitos cuidados e manutenção para aparentar o seu melhor. Ele precisa escovar a barbicha e as patas diariamente para evitar emaranhados, e lavar a face após cada refeição. A pelagem do Schnauzer deve ser tosada ou estripada à mão (hand-stripping) a cada 4-6 meses se você participa de exposições ou gosta dessa aparência. Nota: se os pêlos forem tosados (máquina ou tesoura), ao invés de hand-stripped, a textura irá mudar, fazendo com que os pêlos fiquem mais macios, fazendo com que caiam mais.

A camada externa é mais fácil de ser cuidada, mas a camada interna dos pêlos é densa e ficará embaraçada à não ser que seja penteada ou escovada diariamente com uma escova de aço de cerdas curtas. Corte primeiro os nós e escove primeiro no sentido do crescimento do pêlo, e depois no sentido contrário para levantar os pêlos. Ele deve ser tosado por inteiro em um só comprimento pelo menos 2 vezes ao ano — na primavera e no outono. Muitos donos preferem aprender a fazer o serviço ao invés de levar à um profissional.

Não importa se os pêlos do corpo é tosado ou hand-stripped, os pêlos mais longos da face e das patas devem ser cortados ao redor dos olhos e orelhas com uma tesoura sem ponta para evitar nós. Eles não possuem forte odor e quase não soltam muitos pêlos. Banhos ou shampoo seco deve ser feito quando necessário. Faça uma boa pesquisa ante de escolher o seu profissional. Fazer a manutenção do Schnauzer devidamente exige muita habilidade seja com a máquina quanto tesouras. Certifique-se que o profissional tenha experiência com a raça, seja no manuseio como na estilização. Há uma diferença entre tosas para exposição e apenas para o convívio familiar. Um cão de exposição deve ser hand-stripped, ao invés de tosado à máquina. Se você planeja participar de competições, pergunte ao seu criador sobre como apresentar o seu Schnauzer para este tipo de exposição de conformidade.

Saúde do Schnauzer Padrão

cao-schnauzer-padrao-saude
Schnauzer fazendo seus exames de rotina no veterinário. (Créditos/Copyright: “Por Budimir Jevtic/Shutterstock”)

Na maioria das vezes, Schnauzer Padrão são todos saudáveis, mas como toda raça canina, alguns são mais suscetíveis à certas condições de saúde. Algumas doenças são mais comuns em algumas raças que em outras e nem todos eles terão uma ou todas estas doenças, mas é importante saber sobre elas ao considerar esta raça.

Schnauzers padrão possuem poucos problemas de saúde, mas recomenda-se que todos sejam radiografados (x-rayed) por displasia de quadril e testados anualmente por doenças de vista (incluindo cataratas e displasia de retina); uma condição cardíaca conhecida como estenose pulmonar; hipotireoidismo; hemofilia (doença de sangramento); e pedras na bexiga e no rim.

Todos os cães possuem o potencial para desenvolver problemas genéticos de saúde, assim como todas as pessoas possuem potencial para herdar doenças. É sempre uma boa ideia perguntar a criadores quais os problemas que possam existir em suas linhagens. Um criador honesto e de boa reputação sempre estará a disposição para discutir a saúde de seus cachorros, seja boa ou má.

Criadores cuidadosos costumam investigar e testar seus cães para evitar doenças genéticas e reproduzir apenas as espécies mais saudáveis e de melhor aparência, mas às vezes a Mãe Natureza possui outros planos. Um filhote pode desenvolver uma destas doenças mesmo em reproduções cuidadosas. Avanços na medicina veterinária hoje garantem que na maioria das vezes os cães podem ter uma qualidade de vida. Se estiver pensando em comprar um filhote, pergunte ao criador sobre as idades dos cães em sua linhagem e as causas mais comuns de morte.

Lembre-se que depois de levar um filhote para casa, você tem a responsabilidade de protegê-lo de um dos problemas caninos mais comuns: a obesidade canina, inclusive uma das tendências da raça. Manter o seu Schnauzer Padrão em um peso adequado é uma das maneiras mais fáceis de manter a saúde do seu cachorro e a vida dele saudável para a vida inteira. Em geral, qualquer cachorro pode estender a sua longevidade canina desde que se tomem os devidos cuidados com a sua saúde. O Schnauzer Padrão costuma viver cerca de 13 a 15 anos.

Atividade & Exercícios do Schnauzer Padrão

cao-schnauzer-padrao-atividades
Schnauzer correndo pelo gramado do parque alegremente.(Créditos/Copyright: “Por Grigorita Ko/Shutterstock”)

O Schnauzer padrão é considerado um cachorro de energia alta. Eles precisam das atividades físicas não só para o seu bem-estar físico, mas também emocional. O Schnauzer Padrão é uma raça bastante ativa e necessita de pelo menos uma hora de atividades vigorosas todos os dias. No entanto, eles podem fazer a maior parte destes exercícios em casa. Ele deve caminhar por um mínimo de três vezes ao dia, por cerca de 20 minutos ou duas vezes por meia hora. Eles também precisam de uma área para correr sem coleira. Jogos também podem ser jogados para manter a mente dele estimulada. Outras boas formas de exercícios para esta raça incluem nadar, brincar de buscar objetos ou Frisbee e hiking. Só não exagere se for filhotes, até que a estrutura corporal deles esteja forte e madura. Filhotes precisam caminhar, mas poucas distâncias. Se a raça ficar entediada e agitada pode ficar destrutiva.

Enquanto caminha, ele deve sempre se manter ao lado ou atrás da pessoa que segura a guia, para que ele saiba quem é o líder. As brincadeiras podem até suprir suas necessidades físicas, no entanto, como em toda raça, apenas brincar não irá suprir seu instinto primário de caminhar. Cães que não fazem suas caminhadas diariamente são mais suscetíveis a apresentar problemas de comportamento.

O importante é dar os estímulos certos e mais adequados à idade, condições de saúde e nível de atividade da raça do seu cachorro. Para entender melhor o que pode ou não pode ser feito em termos de exercícios e estímulos, é preciso saber como estimular a mente do seu cão, e ter sempre em mente quais são os cuidados básicos na hora de exercitar o seu cachorro. Existem diversos motivos para exercitar e estimular o seu cão, mas o mais importante deve ser a saúde física e mental dele, sem falar que um cachorro saudável pode viver por muito mais tempo ao seu lado.

Treinamento do Schnauzer Padrão

cao-schnauzer-padrao-treinamento
Schnauzer deitado esperando pelo comando. (Créditos/Copyright: “Por kenkuza/Shutterstock”)

Comece o treinamento do seu filhote no primeiro dia que ele chegar em casa. Mesmo com cerca de 8 semanas de vida ele é capaz de absorver tudo aquilo que você quiser ensiná-lo. Não espere que ele tenha 6 meses de idade para iniciar o treinamento dele e você terá um cachorro bem mais teimoso para lidar.

Embora o Schnauzer Padrão aprenda rápido, possui um temperamento levemente teimoso. Use técnicas de treinamento de reforço positivo como elogio, brincadeiras e premiações com comida, combinadas a um programa que exija que ele “trabalhe” pela comida, guloseimas, brinquedos e hora de brincar primeiro desempenhando comandos como sentar ou deitar.

Exigente e cheio de vontade, a raça exige um dono firme e dominante. Eles precisam de socialização intensiva e extensa desde cedo e treinamento de obediência. O Schnauzer Padrão tem mente própria, mas aprende rapidamente e responde bem ao treinamento consistente, firme, justo e paciente. Mas não faça ele repetir a mesma ação muitas vezes. Ele é inteligente e fica entediado facilmente, por isso mantenha as sessões de treinamento interessantes. Ele é um pouco comediante, por isso espere por algumas pitadas da sua personalidade em tudo o que for pedido para ele fazer. Eles também são bastante responsivos ao som da voz de seu treinador. São versáteis e podem aprender uma variedade de atividades como caça, retrieving, e pastoreio. Eles são capazes de se dar bem em busca e salvamento, agility, obediência competitiva, e trabalho militar. Eles também têm obtido sucesso como cães de terapia.

Quando o treinamento é divertido, ou seja, mistura técnicas de adestramento com diversão, o resultado é sempre muito mais positivo. Algumas dicas de como se divertir exercitando o seu cachorro poderão ajudar você a treiná-lo brincando. É importante conhecer o seu cão e entender quais são as atividades preferidas do cachorro.

O treinamento da caixa é algo também fortemente recomendado para o Schnauzer Padrão, não só ajuda no treinamento dentro de casa, mas também serve como um espaço para se acalmar e relaxar, além de evitar que ele saia mastigando tudo por aí enquanto você estiver fora. A caixa é apenas uma ferramenta, não uma jaula, por isso não mantenha-o preso ali por longos períodos. O melhor lugar para o seu Mal é sempre com você.

Ensinar o seu cachorro a deitar, sentar e ficar no lugar é vital para o treinamento de um filhote, procure se informar sobre como adestrar o seu cachorro, é muito comum cometer erros durante o processo de treinamento.

1 avaliação para Schnauzer Padrão

  1. Avaliação 3 de 5

    Michel

    Já começo dizendo que o Schnauzer não é para qualquer um – muito estiloso, robusto e classudo, mas tudo isso tem um preço, e alto. Não se engane pela aparência aristocrática e fique achando que ele vai ficar ali deitadinho só enfeitando a sua sala de estar, ele precisam e EXIGEM exercícios. Como gostam de ter uma tarefa pra fazer! Se ele não tiver o que fazer, reserve tempo para brincar com ele bastante. Eles adoram chamar atenção também, gostam de protagonizar as situações pela casa. E adoram crianças, brincar com elas não tem hora nem local. Mas não reage da mesma forma com adultos, eles são desconfiados e parecem até soberbos. Costumam marcar bem o território deles e qualquer um que não pertença ao local sofrerá consequências até que ele se aocstume e passe a tolerar a sua presença. Eles precisam de uma boa manutenção também para manter as aparências aristocráticas de um bom cavalheiro. Se você não aprender a tosar seus pêlos ou não gostar da tarefa prepare-se para idas mensais ao petshop. Ele também precisa de treinamento de obediência desde cedo ou você vai ter problemas quando ele for adulto, ele gosta de mandar. Você temq ue ser firme e impor a sua liderança, senão ele vai tomar conta de tudo.

    Eu tive dois miniaturas ao longo da minha vida, e eles não são muito diferentes, adoravam sair pelo condomínio pra checar a vizinhança, pareciam conhecer todo mundo – dois pequenos fofoqueiros. Mas depois de alguns probelmas de saúde enfrentados com abos eu decidi não trocar de raça mas adiquirir o Schanuzer padrão e não troco por nenhum outro. Uma vez que você passa a entender o temperamento deles você não tem doq ue reclamar. Inteligentes,d ecididos, sofisticados, divertidos, ativos, leais e protetores – qualidades incríveis e idinspensáveis. No entanto é preciso ter paciência, tempo e um orçamento familiar flexível para dar à ele a vida de lorde que ele gosta de ter.

Adicionar uma avaliação

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *