A chegada de um novo filhote é sempre um grande acontecimento. Não há quem não fique entusiasmado com isso. Mal podemos esperar para começar a ensiná-lo todo tipo de truque. No entanto, tenha muita calma nessa hora. Saber como adestrar um cachorro da maneira correta é muito importante. Principalmente, se não temos a experiência e o conhecimento de um adestrador de cachorro.

O fato é que podemos cometer muitos erros sem querer e até sem perceber que estamos cometendo. Um adestrador de cachorro experiente tem o conhecimento necessário para saber como adestrar um cachorro. Mesmo assim, se você não tem como arcar com um adestrador de cachorro e prefere fazer o serviço você mesmo, se informe antes sobre como adestrar cachorro da maneira correta.

Como adestrar um cachorro sem errar

Há vários truques de como adestrar um cachorro, mas também vários erros muito comuns que até o melhor adestrador de cachorro pode sem querer cometer. Por esta razão, tome um maior cuidado e tente evitar esses erros na hora de ensiná-lo alguns comportamentos básico e truques. Para ajudar, listamos abaixo 8 erros muito comuns que cometemos ao tentar adestrar o cachorro:

1. Usar correção ao invés de reforço positivo

Como adestrar um cachorro: Cachorro sendo corrigido verbalmente durante o treino
Como adestrar um cachorro: Cachorro sendo corrigido verbalmente durante o treino. (Crédito/Copyright: “Kzenon/Shutterstock”)

Focar nos pontos negativos com punições não é nem um pouco eficaz comparado ao método de reforço positivo. Ou seja, fazer uso de castigo e dominância pode levar a vários outros problemas de comportamento para o filhote no futuro.

Além disso, se você misturar reforço negativo com positivo, fica mais difícil para o cachorro determinar se ele vai ser castigado ou recompensado. A solução é antecipar o comportamento do seu cachorro.

Se o seu cachorro for fazer algo que não seria apropriado, como por exemplo latir, distraia-o com algum outro comando. Assim, ele poderá responder e ser recompensado de acordo. Saber como adestrar um cachorro leva tempo e prática.

2. Treinar por longas horas

Como adestrar um cachorro: achorros sendo treinados juntos.
Como adestrar um cachorro: cachorros sendo treinados juntos. (Crédito/Copyright: “Vista Photo/Shutterstock”)

As sessões de adestramento devem parar logo após obter resultados positivos e só continuar algum tempo depois. Se você treiná-lo por longos períodos de tempo, o seu cachorro ficará entediado e não vai mais se interessar em aprender mais nada.

Além disso, ele poderá ficar sobrecarregado com tanta informação nova e não conseguir absorver o que ele tem que aprender. Você também não deve insistir na mesma lição o dia inteiro. Muito menos tentar que fazê-lo aprender tudo em um único dia. Todo treinamento é um processo, e como adestrar cachorro leva tempo, tenha paciência.

3. Ficar no mesmo local

Como adestrar um cachorro: cachorro sendo treinado no parque através de brincadeiras.
Como adestrar um cachorro: cachorro sendo treinado no parque através de brincadeiras. (Crédito/Copyright: “Elena Efimova/Shutterstock”)

Você provavelmente irá treinar o seu cachorro bastante na sua casa, já que é onde vocês moram. No entanto, não se limite apenas à sua casa ou um único local. O seu cachorro irá aprender a se comportar em casa, mas assim que ele sair de casa, ele terá muito mais dificuldade para prestar atenção.

Tente treiná-lo do lado de fora da casa, em parques, na praça, onde há várias outras distrações. Desta forma, o cachorro irá aprender a manter o foco e o comportamento consistente, não importa o que tiver acontecendo ao redor dele.

4. Abusar muito do “Clique”

Como adestrar um cachorro: Shiba Inu sendo treinado pelo método de clicking
Como adestrar um cachorro: Shiba Inu sendo treinado pelo método de clickin. (Crédito/Copyright: “supercat/Shutterstock”)

O treinamento por “cliques” está ficando muito popular nos dias de hoje, e é uma ferramenta de treinamento muito eficaz quando usada da maneira adequada. Muito adestrador de cachorro usa a ferramentas, mas às vezes exagera. Saiba como usar antes de sair por aí clicando tudo.

O seu cachorro deve aprender a associar o clique com uma recompensa, mas se você parar de recompensá-lo, o clique perde o significado. Assim, você deve se manter consistente com apenas um clique por comportamento desejado. Se você começar a clicar demais enquanto ele estiver fazendo algo, ele não vai ter ideia do que está sendo recompensado. Para saber como adestrar um cachorro, uma boa comunicação é chave do sucesso.

5. Depender de “recompensas” comestíveis

Como adestrar um cachorro: cachorro sendo recompensado por comida durante o treino.
Como adestrar um cachorro: cachorro sendo recompensado por comida durante o treino. (Crédito/Copyright: “larstuchel/Shutterstock”)

Estes pequenos mimos comestíveis são ótimos se o filhote for bastante motivado por comida, assim são muito eficazes no início do treinamento. Mas tente variar as recompensas entre elogios, brinquedos para cachorros ou brincadeiras além de comida.

Se você acostumá-lo só dessa maneira e passar a depender muito de comida, o seu cachorro começará apenas a se comportar quando você tiver comida para oferecer. Até porque, nem sempre você vai estar andando por aí com o bolso cheio de guloseimas para ele. Por esta razão, é melhor garantir que o cachorro seja capaz de responder a elogios e associar a sua aprovação com recompensas.

6. Não ajustar o treino a personalidade do cachorro

Como adestrar um cachorro: Golden Retriever sendo treinado de acordo com a sua personalidade.
Como adestrar um cachorro: Golden Retriever sendo treinado de acordo com a sua personalidade. (Crédito/Copyright: “Soloviova Liudmyla/Shutterstock”)

Cães são indivíduos, e nem todo método de treinamento ou recompensa vai funcionar para o mesmo cachorro. Assim, algumas raças são mais motivadas por brincadeiras que comida, e outras possuem uma necessidade natural para agradar. Já outras raças são conhecidas por serem simplesmente teimosas.

Compreenda o que motiva o seu cachorro e como ele aprende melhor. Desse modo, tente mudar o ambiente ou a forma como você dá os comandos. Se um método de treinamento não está funcionando, não é necessariamente culpa do seu cachorro. Ou seja, talvez você tenha que mudar a sua técnica e experimentar encontrar aquilo que funcione. Para aprender como adestrar um cachorro, temos que ser pacientes.

7. Repetir muito os comandos

Como adestrar um cachorro: achorro sendo treinado através de métodos  repetidos
Como adestrar um cachorro: achorro sendo treinado através de métodos repetidos. (Crédito/Copyright: “Mark Mondaini/Shutterstock”)

Esse é o tipo de erro mais comum entre adestradores inexperientes com relação a como adestrar cachorro. Por exemplo, o comando “senta”, muitas vezes é repetido exaustivamente por quem não tem experiência até que o cachorro seja vencido pelo cansaço.

A estagnação pode se tornar um comportamento aprendido, e o cão pode achar que terá que se sentar apenas depois que o comando é repetido. Se o seu cachorro não responder, não repita o comando. Leve-o para algum outro lugar e em seguida, tente novamente. Se ele ainda assim não responder, é hora de recomeçar o treinamento e reaprender o comando.

8. Não praticar

Como adestrar um cachorro: cachorro praticando o seu treinamento.
Como adestrar um cachorro: cachorro praticando o seu treinamento. (Crédito/Copyright: “takayuki/Shutterstock”)

O seu cachorro pode até aprender rápido, mas não adiantará nada se ele não praticar. Como você, o seu cachorro não pode se lembrar de tudo o que aprendeu se não praticar. Mantenha o treinamento sempre, não só na fase de filhote. Ou seja, você deve praticar com ele pelo resto da vida, e ele ainda irá apreciar o estímulo mental mesmo adulto ou em idade avançada. Com todas estas dicas você vai saber adestrar o seu cachorro filhote para o resto da vida!

DEIXE UMA RESPOSTA

Escreva o seu comentário
Seu nome