Envelhecer não significa abrir mão das vantagens que a companhia de um cachorro ainda pode lhe proporcionar. Segundo descobertas de pesquisas científicas, a companhia de animais de estimação na “melhor idade” trazem muitas vantagens físicas e emocionais para o bem estar psicológico. Portanto, está cientificamente provado que a companhia do cachorro faz bem para a saúde e a alma do idoso, sendo uma raça de cachorro pequeno, a melhor das escolhas que você poderá fazer.

Uma raça de cachorro pequeno é perfeita para idosos

As vantagens físicas e emocionais são muitas. Ou seja, os cachorros são excelentes para estimular os exercícios físicos, a socialização com outras pessoas e evitar a solidão nessa fase da vida. Isto é, sair para caminhadas eventuais na companhia do cachorro ou se distrair com ele dentro de casa já são atividades bastante prazerosas que ocupam a mente não só da pessoa como do cachorro também.

Tudo isso faz diferença na rotina de um idosos, especialmente se ele viver sozinho. O fato de ter com quem se preocupar ou ser responsável por esse alguém nessa idade, mesmo que um animal de estimação, faz com que a pessoa se sinta útil. O convívio com o cachorro é uma excelente forma de espantar o tédio e a depressão associada à solidão e a falta de tarefas para fazer.

No entanto, é importante é escolher uma raça de cachorro cujas exigências físicas correspondam com as suas próprias necessidades e restrições. A melhor escolha é uma raça de cachorro pequeno que não demanda muitos esforços.

Há uma enorme variedade de cachorros de pequeno porte que se ajustam facilmente às necessidades de um idoso, seja qual for o ambiente. Para ajudar na pesquisa e na escolha, reunimos uma lista abaixo com algumas das melhores raças de cachorro pequeno para os nossos adorados velhinhos:

1. SHIH TZU

Raça de cachorro pequeno para idosos: Shih Tzu filhote  deitado na cama do seu dono brincando
Raça de cachorro pequeno para idosos: Shih Tzu filhote deitado na cama do seu dono brincando. (Créditos/Copyright: “Olexandr Taranukhin/Shutterstock”)

O Shih Tzu é uma raça de cachorro pequeno valiosa e especial: eles possuem atributos surpreendentes para idosos. Shih Tzus eram guardiões de monastérios e estão acostumados com a companhia de sábios monges. Portanto, eles são uma das raças de cachorro mais afetuosas e pacientes que existem para pessoas de idade mais avançada.

Embora o Shih Tzu possua uma inclinação a latir, ele é também conhecido por ter um bom coração e uma natureza amigável. Ele é uma raça de cachorro pequeno perfeita para apartamento e foi desenvolvido para ser um cão de companhia. Ele é sociável e possui uma alma alegre. Além disso, é dedicado ao dono e capaz de se conectar a todos do seu convívio.

Com apenas leves caminhadas diárias e atividades mesmo dentro de casa, o Shih Tzu é capaz de ficar em forma e viver por muito tempo. Ele também adora um colinho. No entanto, o Shih Tzu possui exige certa dedicação à sua pelagem, que por ser fina e longa, pode embaraçar facilmente.

2. BEAGLE

Raça de cachorro pequeno para idosos: Beagle filhote deitado na grama do jardim.
Raça de cachorro pequeno para idosos: Beagle filhote deitado na grama do jardim. (Créditos/Copyright: “Projects_S/Shutterstock”)

Beagles são tão fofos quanto o famoso personagem Snoopy. O Beagle é uma raça de cachorro pequeno bem humorada, fiel e muito sociável. Além disso, eles possuem um enorme prazer em viver na companhia de pessoas e outros cachorros.

Beagles adoram brincar e podem ser um tanto autodeterminados, um desafio para o seu treinamento. Além disso, Beagles são ativos e exigem atividades físicas para exaurir a energia deles e acalmar os ânimos. Mesmo assim, eles podem ser maravilhosos para idosos que ainda sejam ativos e saudáveis.

Apesar de não exigirem maiores cuidados, eles costumam soltar bastante pelos. E devido a sua natureza caçadora, não é confiável com outros animais se não for socializado desde cedo. O Beagle tem mente própria, mas com exercícios suficientes pode ser relaxado e alegre, uma companhia que afastará qualquer sinal de tédio na sua rotina.

3. PUG

Raça de cachorro pequeno para idosos: Pug filhote preto brincando na grama do parque.
Raça de cachorro pequeno para idosos: Pug filhote preto brincando na grama do parque. (Créditos/Copyright: “/Shutterstock”)

O Pug é uma raça de cachorro pequeno bastante popular em todo mundo nos dias de hoje, e a razão é simples. Uma das suas características mais atraentes é ser capaz de se ajustar a qualquer estilo de vida.

Se a pessoa for mais relaxada e curtir ficar sentada no sofá assistindo a programas de TV favoritos, então o Pug estará feliz ao seu lado em todos estes momentos. No entanto, se a pessoa ainda for extremamente ativa, o Pug se adaptará muito bem a esta rotina também.

Os Pugs são vigorosos e alegres, e podem ser um tantinho levados, mesmo assim são adoráveis. Também são do tipo que soltam pêlos, principalmente em climas quentes, mas podem ser tosados sem problema. O Pug é uma raça de cachorro pequeno no tamanho certo para a sua rotina, seja ela qual for. Ele é capaz de alegrar qualquer um e de ser a melhor das companhias para todas as horas.

4. SCHNAUZER MINIATURA

Raça de cachorro pequeno para idosos: Schnauzer preto adulto sempre pronto para defender seu dono e seu território.
Raça de cachorro pequeno para idosos: Schnauzer preto adulto sempre pronto para defender seu dono e seu território.

O Schnauzer miniatura é outra raça de cachorro pequeno excelente para fazer companhia para idosos. Eles são perfeitos para crianças também; especialmente se haverão netos por perto de vez em quando. O Schnauzer é afetuoso e demonstrativo, cheios de vida e praticamente não dão trabalho algum para treinar.

No entanto, O Schnauzer é valentão, por isso com relação a outros cachorros, pode não ser uma boa escolha. Eles não têm noção do próprio tamanho e gostam de puxar briga e arrumar confusão. Tem que ser firme e ter força na coleira quando sair com ele para passear.

De modo geral, o Schnauzer miniatura está sempre ávido para agradar e é devotado à sua família. Eles são excelentes vigias, mas não servem como cães de guarda. Ou seja, eles são capazes de avisar sobre estranhos e visitantes, mas por causa do porte pequeno, não podem partir para o confronto (eles adorariam, rs!).

5. COCKER SPANIEL

Raça de cachorro pequeno para idosos: Filhote de Cocker Spaniel inglês preto no parque.
Raça de cachorro pequeno para idosos: Filhote de Cocker Spaniel inglês preto no parque. (Créditos/Copyright: “/Shutterstock”)

O Cocker Spaniel é uma das raças mais conhecidos no mundo inteiro e por décadas já foi a mais popular de todas as raças. O Cocker é uma raça de cachorro pequeno, no entanto é maior que as outras raças dessa lista. Portanto, ele precisa de mais atividades físicas que as outras, embora não necessariamente diárias.

Por esta razão, o Cocker não é a melhor das escolhas para viver em apartamento, mas pode ser uma escolha maravilhosa se a pessoa viver em uma casa, mesmo que com um quintal pequeno. Além disso, ele ainda pode ser excelente cão vigia se a pessoa for sozinha. Mas lembre-se, a raça foi criada para caçar. Por isso, não se assuste se ele sair por aí correndo atrás de pássaros e outros animais menores durante os passeios pelo bairro.

O Cocker Spaniel possui dois tipos mais populares, o Cocker Spaniel Inglês e o Cocker Spaniel Americano. Os dois possuem algumas diferenças, mas ambos tem pelagem encaracolada que precisa de certa manutenção e cuidados.

6. CHIHUAHUA

Raça de cachorro pequeno para idosos: Chihuahua na grama do parque.
Raça de cachorro pequeno para idosos: Chihuahua na grama do parque. (Créditos/Copyright: “Natalya Okorokova/Shutterstock”)

O Chihuahua até pode ser uma das menores raças de cachorro do planeta, mas ele é cheio de personalidade. Os Chihuahuas são uma excelente opção de raça de cachorro pequeno para pessoas idosas porque não precisam de manutenção e maiores cuidados.

A intensidade das atividades dele se ajustará ao modo de vida da sua família. No entanto, eles devem conviver com outras pessoas para não se tornarem ansiosos ou muito assustados. Se você estiver procurando por um cachorro para destilar todo o seu amor, considere o Chihuahua, ele adora atenção, carinhos e afagos. Chihuahuas são intensamente fiéis ao seu dono e são muito afetuosos. Embora precisem de limitações e regras, como qualquer outra raça, eles são companhias muito agradáveis.

7. BOSTON TERRIER

Raça de cachorro pequeno para idosos: Boston terrier filhote fazendo o que faz de melhor - sendo uma fofura!
Raça de cachorro pequeno para idosos: Boston terrier filhote fazendo o que faz de melhor – sendo uma fofura! (Créditos/Copyright: “Nailia Schwarz/Shutterstock”)

Apesar de aqui serem o último da lista, o Boston Terrier frequentemente lidera o topo da lista dos melhores cachorros para idosos. Simplesmente, porque eles possuem um tamanho pequeno bastante conveniente, facilidade de manutenção e cuidados. Além disso, o Boston é uma raça de cachorro pequeno alegre e extrovertida, sempre ávida a agradar seus donos.

Não tem nada no mundo que eles amem mais que estar na companhia da sua família. Eles são leves, despreocupados e travessos, embora conscientes dos seus limites. Boston Terriers são amigáveis e gentis, protetores, inteligentes e adoram aprender novos truques. Por isso, o seu treinamento é tão fácil quanto o seu temperamento.

E o melhor de tudo é que eles nem precisam de muita quantidade de exercícios, apenas adoração excessiva. Os Boston Terriers sabem como entreter todo mundo por horas com suas qualidades e natureza doce. Uma companhia excepcional para espantar a solidão e encher a vida de alegria.

2 COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Escreva o seu comentário
Seu nome